Correio de Carajás

DMTU: Agentes ameaçados denunciam situação à Polícia Civil

DMTU: Agentes ameaçados denunciam situação à Polícia Civil
Representantes do DMTU e delegado Vinícius durante formalização da denúncia/ Foto: Divulgação DMTU
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Nesta terça-feira (17), o diretor do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (DMTU), Emanuel Souza da Cruz, foi até a 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil formalizar uma denúncia contra criminosos que estão ameaçando os agentes de trânsito pelas redes sociais.

O diretor foi à delegacia acompanhado pelo agente Pereira (coordenador de Transporte) e pelo próprio secretário Municipal de Segurança institucional, Jair Barata Guimarães.

De acordo com a denúncia feita pelos representantes do DMTU, as ameaças estão circulando nas redes sociais e grupos de WhatsApp. Na oportunidade foi entregue ao delegado Vinícius Cardoso das Neves, diretor da 21ª Seccional, uma cópia com o screenshot (print) das mensagens e também dos perfis dos ameaçadores.

Leia mais:

O delegado confirmou que vai proceder com investigação para identificar e abrir inquérito contra essas pessoas por incitação ao crime.

As ameaças se intensificaram (e muitas delas vieram à tona) depois de uma abordagem a um mototaxista clandestino, ocasião em que ele caiu da moto e teve uma das pernas fraturada. Os agentes afirmam que o rapaz caiu ao tentar fazer uma manobra arriscada para fugir dos agentes. Já o mototaxista diz que foi abalroado pela viatura do DMTU.

Para tentar descobrir o que aconteceu, um procedimento administrativo disciplinar foi aberto para investigar o caso e nada justifica as mensagens que circularam abertamente pelas redes sociais, com ofensas aos agentes de trânsito e ameaças de espancamento e até de morte.

AS AMEAÇAS

Em uma das mensagens, um dos investigados prega abertamente o assassinato dos agentes. A integra da mensagem é esta: “Tem que meter bala na cara desses safado isso é o certo”.

A mesma pessoa diz: “Existe vários jeitos de fazer uma casinha para esses caras existe muitos jeitos”.

E outro internauta responde ao convite para o crime: “Já passou de hora, já estou preparado”.

Outro indivíduo tenta reunir malfeitores para agredir os agentes públicos. Ele diz: “Vamos arrumar um grupo de gente pra quebrar esses vagabundos”.

Em um grupo de WhatsApp, a coisa é ainda mais séria. Uma pessoa dá a seguinte mensagem: “Ja ta passando da ora de passar o sal num guarda fela da puta desse… Tao xeio de gracinha! Mandar um pro inferno os outros ficam pianinho”.

(Chagas Filho)

Comentários

Mais

Homem é morto na frente do sobrinho de 6 anos

Homem é morto na frente do sobrinho de 6 anos

Uma criança de seis anos de idade testemunhou a execução sumária do tio, de 21 anos, conhecido como Wemerson Pablo…
Colisão entre caminhonete e moto estraçalha motociclista

Colisão entre caminhonete e moto estraçalha motociclista

Um acidente terrível se registrou por volta das 16h de ontem na PA-160, município de Canaã de Carajás: uma caminhonete…
Fasepa investigará morte de adolescente no CIAM

Fasepa investigará morte de adolescente no CIAM

A Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) enviou nota para o CORREIO, no final da manhã de ontem (24),…
Ladrão furta equipamento avaliado em R$ 10 mil

Ladrão furta equipamento avaliado em R$ 10 mil

Um furto a uma reforma em residência particular do bairro Betânia, em Parauapebas, a prisão de João Francisco Silva Soeiro…
Mais de 14 mil pessoas são presas em Operação Maria da Penha

Mais de 14 mil pessoas são presas em Operação Maria da Penha

O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) divulgou hoje (24) números da Operação Maria da Penha, lançada em agosto com o…
Menor foi morto por colega de cela com lâmina de barbear

Menor foi morto por colega de cela com lâmina de barbear

Está identificado como Eduardo Ferreira Lima, de apenas 14 anos de idade, o adolescente assassinado dentro do Centro de Internação…