Correio de Carajás

Acusados de sequestrar a mãe vão responder em liberdade

Acusados de sequestrar a mãe vão responder em liberdade
Advogados, familiares e o casal de irmãos no momento da soltura ontem/ Foto: Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Na tarde de ontem (6), a juíza Renata Guerreiro Milhomem de Souza, titular da 1ª Vara Criminal da Comarca de Marabá, revogou a prisão preventiva do casal de irmãos Vanilda Aguiar e Gelson de Aguiar, acusados de participar do sequestro da própria mãe, Judite Moreira Aguiar, de 84 anos. O caso aconteceu em maio deste ano no município de Bom Jesus do Tocantins.

Os outros acusados de envolvimento no crime hediondo, Izak Ferreira Souza e Gerson Silva Cabral Ferreira, este último seria namorado de Vanilda, continuam presos.

Na saída do complexo penitenciário, Vanilda e Gelson foram recebidos pelos advogados Arnaldo Ramos e Railson Campos, além de familiares que foram receber os dois irmãos e dar apoio a eles, já que praticamente toda a família acredita que Vanilda e Gelson são inocentes.

Leia mais:

O sequestro da anciã aconteceu no dia 16, quando três homens armados invadiram a fazenda São João, que fica em Bom Jesus do Tocantins na divisa com Abel Figueiredo, e sequestraram Judite. Ela foi levada para uma casa, em Bom Jesus, onde foi mantida em cativeiro.

Nas investigações, os policiais civis receberam a informação de que um dos responsáveis pelo crime era Gerson Ferreira. Preso, ele confessou o crime. Em interrogatório, confirmou que tinha um caso com Vanilda, filha da vítima. Segundo o acusado, Vanilda e o irmão dela, Gelson de Aguiar, lhe convidaram meses antes para ajudar no sequestro da própria mãe deles.

Ainda segundo a polícia, o plano era extorquir a idosa, pois ela teria uma alta quantia em dinheiro no banco (cerca de R$ 67 mil), resultante da venda de gado.

Em seguida, a polícia estourou o cativeiro, libertou a vítima e matou o acusado Romildo da Conceição Santos, de 37 anos, que vigiava o cativeiro, durante troca de tiros. Depois disso, as equipes policiais foram até as casas dos outros dois sequestradores. Izak foi preso, mas um elemento identificado apenas como “Carlia” fugiu logo após tomar conhecimento da prisão dos outros envolvidos.

Um mês depois, em junho, um fato novo se registrou no caso: dezenas de familiares dosa acusados procuraram a Imprensa e as redes sociais para pregar a inocência de Vanilda e Gelson. Depoimentos foram gravados em vídeos inocentando o casal de irmãos.

Uma das possíveis provas da inocência dos dois é o fato de que dona Judith havia doado sua parte das terras aos filhos, assinando espontaneamente um termo de doação, e que Vanilda tinha total acesso à conta da mãe, pois a conta era conjunta, de modo que ela não tinha nem porquê fazer isso.

(Chagas Filho)

Mais

Celular roubado é encontrado nas nádegas do ladrão

Celular roubado é encontrado nas nádegas do ladrão

O tiro saiu pela culatra – e o celular também. Em ocorrência registrada na manhã desta segunda-feira (17) foram presos…
Mulher vai à rua denunciar agressão de marido

Mulher vai à rua denunciar agressão de marido

A Polícia Militar conduziu à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas Maike Aguiar Dias e a esposa, que…
Guerra entre traficantes provoca morte no centro de Canaã

Guerra entre traficantes provoca morte no centro de Canaã

Jhonatan dos Santos Soares foi preso, em flagrante, neste final de semana, acusado de crime de homicídio registrado por volta…
Execução de adolescente está cercada de mistério no Residencial Tocantins

Execução de adolescente está cercada de mistério no Residencial Tocantins

Um mistério cerca um homicídio ocorrido às 20 horas desta sexta-feira (14) no Núcleo São Félix, especificamente no Residencial Tocantins,…
Piloto morre em colisão de moto com caminhonete entre Parauapebas e Curionópolis

Piloto morre em colisão de moto com caminhonete entre Parauapebas e Curionópolis

A colisão entre uma motocicleta e uma caminhonete tirou a vida de Aldecir Simão Borges, de 44 anos de idade,…
Policial reage a tentativa de assalto e é baleado com três tiros

Policial reage a tentativa de assalto e é baleado com três tiros

Um policial militar foi baleado após reagir a uma tentativa de assalto nesta sexta-feira (14), em Redenção, no sul do…