Taniara, viúva de membro do PCC, foi condenada por tráfico/ Foto: Divulgação
Ads

Policiais militares da 18ª Companhia Independente de Polícia Militar do Pará (CIPM), com base na cidade de Jacundá, prenderam através de mandado de prisão expedido pelo Tribunal de Justiça do Pará, Taniara Gomes de Souza, na quinta-feira, dia 25. Condenada por tráfico de drogas, ela era esposa de Marcos Ruas, um dos principais integrantes do PCC na cidade.

Ads

A prisão foi confirmada pelo comandante da 18ª CIPM), major Fábio Rayol. Segundo ele, participaram da ação que resultou na prisão da mulher o sargento Waldemir, cabo Orlando e soldado Santiago. “Recebemos a informação através da SUSIPE/Centro Integrado de Operações (CIOP), que a mesma estaria em Jacundá, em ato contínuo saímos em diligência com as coordenadas, e a encontramos no endereço indicado. Ela não reagiu a voz de prisão, sendo recapturada e apresentada na Delegacia de Polícia Civil de Jacundá para as providências cabíveis”, explicou.

O mandado de prisão contra Taniara Gomes foi expedido pela Comarca de Marabá, através da Exclusiva de Execuções de Penas Privativas de Liberdade e Restritiva de direito e Medidas Alternativas, em abril deste ano, e determina a execução da pena privativa de liberdade, com a transferência para regime mais rigoroso – fechado, pelo prazo de 6 ano, 4 meses e 2 dias, conforme o artigo 118 da Lei de Execução Penal.

“O preso deverá ser apresentado, imediatamente, a autoridade judicial que determinou a expedição do mandado de custódia ou, no caso do cumprimento fora da jurisdição do juiz ordenador, à autoridade judicial competente”, informa o mandado.

Um aparelho celular, da marca Samsung, foi apreendido. Taniara era casada com Marcos Antônio Andrade Ruas, assassinado no quintal de sua residência, em maio deste ano. (Antonio Barroso/Freelancer)

Ads