Correio de Carajás

Unidade móvel do Hospital de Barretos atende em Marabá

Carreta com consultórios e equipamentos foi postada perto da Secretaria de Saúde/ Fotos: Josseli Carvalho
Carreta com consultórios e equipamentos foi postada perto da Secretaria de Saúde/ Fotos: Josseli Carvalho
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a carreta do Hospital de Amor de Barretos fez um “pit stop” em Marabá nesta sexta-feira (16). O objetivo da ação foi realizar o atendimento preventivo de câncer do útero e câncer da próstata. Paralelamente foram feitas ações de exames rápidos e serviços de beleza.

Na oportunidade foram realizadas coletas de exames do PCCU (para mulheres na faixa etária de 25 a 64 anos) e PSA (para homens na faixa etária de 50 a 69 anos) sendo que os pacientes passaram por uma triagem para realização dos referidos exames. Sessenta mulheres e 40 homens foram atendidos.

Entre outras atividades estavam sendo ofertados: Aferição de P. A., teste de glicemia, tipagem sanguínea, testes de HIV, sífilis, sobre diagnóstico de diversos tipos de câncer, serviços como barbeiros, cabeleireiros, manicure, sobrancelhas, massagistas.

Leia mais:

De acordo com Angélica Rangel, da coordenação dos voluntários do Hospital de Amor de Barretos em Marabá, a carreta atende municípios que realizam parcerias de doações para o Hospital. Em Marabá, são realizados eventos com objetivo de arrecadar fundos para o a instituição. A ação foi realizada no estacionamento externo da Secretaria Municipal de Saúde.

Segundo ela, já foram encaminhadas para atendimento e tratamento no Hospital de Amor de Barretos 121 pessoas da região de Marabá. “Temos realizados diversos eventos do Hospital de Amor de Barretos. Se o resultado for positivo das coletas realizadas hoje, nós encaminhamos até ao hospital para atendimento e tratamento, tudo gratuitamente” afirmou.

Atendimento se deu durante toda a manhã de ontem

A cabeleireira Zenilza Lopes foi uma das participantes da ação. De acordo com ela, o evento foi de grande importância para a população marabaense. “A carreta vem, colhe o material e leva para São Paulo. Se der alguma alteração maligna, eles se responsabilizam pelo tratamento, que é completamente de graça. Achei de grande valia, por isso me interessei muito em fazer”, replicou a dona de casa ao CORREIO.

MÓVEL

O advento da unidade móvel consistia em uma busca ativa de mulheres para fazerem os exames preventivos de câncer em seus domicílios ou em locais próximos. O Hospital ia até a residência dessas mulheres, na periferia de Barretos, para a realização de exames preventivos de Colo Uterino.

Essa atuação trouxe resultados positivos: do total de mulheres diagnosticadas com câncer, 80% dos casos estavam em estadiamento inicial – período do desenvolvimento da doença em que a chance de cura é de 90%. Com o sucesso desta iniciativa, o trabalho de prevenção foi estendido para toda a população rural e urbana de Barretos.

O projeto cresceu, ganhou uma estrutura elaborada e começou a atuar não somente em Barretos, mas em outras regiões do país, realizando assim, um trabalho de prevenção de câncer pioneiro na América Latina. Atualmente, o Hospital de Câncer de Barretos possui seis unidades móveis (ônibus e carretas adaptadas).

As unidades móveis realizam o rastreamento do câncer de mama, colo de útero, próstata e câncer de pele através de exames preventivos na população. No caso do câncer de pele, além dos exames, os pacientes podem ser tratados na própria unidade móvel, equipada com um centro cirúrgico completo para a realização de cirurgias ambulatoriais.

Síntese

O serviço de prevenção diagnostica em média 270 novos casos de câncer de mama ao ano no rastreamento, tratados em sua plenitude ao Hospital de Câncer de Barretos. A instituição segue protocolos internacionais, o que nos diferencia dos demais serviços, pois oferecemos um atendimento integral ao paciente do primeiro exame ao tratamento final, caracterizando uma ação efetiva, com segurança e qualidade no combate ao câncer de mama.

(Karine Sued com informações de Josseli Carvalho)

Mais

Pará recebe mais uma remessa de doses de vacinas contra Covid-19

Pará recebe mais uma remessa de doses de vacinas contra Covid-19

O Pará recebeu, na tarde desta quinta-feira (6), a décima oitava remessa de vacinas contra a Covid-19. Foram enviadas pelo…
Marabá sedia encontro de promoção da igualdade racial

Marabá sedia encontro de promoção da igualdade racial

O município de Marabá sediou na tarde desta quarta-feira, 5, um encontro entre a Secretaria Nacional de Políticas de Promoção…
OMC faz apelo por negociações sobre patentes de vacinas da covid-19

OMC faz apelo por negociações sobre patentes de vacinas da covid-19

A chefe da Organização Mundial do Comércio (OMC), Ngozi Okonjo-Iweala, elogiou hoje (6) o posicionamento dos Estados Unidos a favor…
Ministério da Saúde libera 284 leitos de suporte ventilatório pulmonar

Ministério da Saúde libera 284 leitos de suporte ventilatório pulmonar

O Ministério da Saúde autorizou hoje (6) mais 284 leitos com suporte ventilatório pulmonar para tratamento de pacientes com quadro…
Colonos bloqueiam garagem da Secretaria de Obras de Parauapebas

Colonos bloqueiam garagem da Secretaria de Obras de Parauapebas

Uma manifestação promovida por colonos da Serra do Cedro, vilarejo localizado a 30 quilômetros de Parauapebas, bloqueou a garagem da…
Pará registra 480.129 casos de Covid-19 e 13.391 mortes

Pará registra 480.129 casos de Covid-19 e 13.391 mortes

O Pará registrou nesta quarta-feira (5) um total de 480.129 casos de Covid-19 e 13.391 mortes. De acordo com o…