Correio de Carajás

Suspeitos de chacina morrem em confronto com a PM

Os dois suspeitos de chacina em Altamira morreram em Brasil Novo/ Foto: Divulgação

Dois homens morreram durante a operação “Sinuca” realizada na manhã desta sexta-feira (29) na cidade de Brasil Novo. A ação policial mirava suspeitos de participar de crimes violentos na cidade de Altamira, região sudoeste paraense. A ocorrência terminou com a morte de Elielton de Jesus de Castro Pinheiro e Leandro Alves da Silva.

Segundo a Polícia Civil, Elielton, conhecido como Bola, e Leandro, de alcunha LK, têm uma extensa ficha criminal, como homicídios, tráfico de drogas e roubos. Também é atribuída à dupla a participação em uma chacina que aconteceu em meados do mês de maio deste ano na frente de um bar, na cidade de Altamira. Na ocasião quatro vítimas morreram no tiroteio.

A operação “Sinuca” tinha como missão prender os dois suspeitos que estavam morando na zona rural de Brasil Novo. As informações divulgadas pela Polícia Militar dão conta que os dois homens resistiram à prisão e atentaram contra a vida dos agentes de segurança, que foram obrigados a revidar aos tiros disparados pelos dois. No tiroteio, LK e Bola ficaram feridos e não resistiram. Os dois morreram no local.

Leia mais:

Duas mulheres, identificadas pelos nomes de Amanda Moura da Silva e Vanessa Rodrigues Azevedo, namoradas de Bola e LK, foram presas em flagrante suspeitas pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico de drogas. As duas foram apresentadas na 22ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Altamira. (Antonio Barroso)

Comentários