Considerado de alta periculosidade, Wellington, o Matemático, voltou à cadeia /Fotos: Divulgação
Ads

Foragido desde 25 de julho do Centro de Triagem Metropolitana II, em Santa Isabel, na Região Metropolitana de Belém, Wellington da Silva Barros, de 27 anos, mais conhecido como Matemático, foi recapturado em Marabá na noite de ontem, segunda-feira (5), e somando mais um crime na extensa conta que tem para acertar com a sociedade. Além dele, foi preso Cassio Silva Carvalho, de 24 anos, e ambos acabaram autuados em flagrante por tráfico de drogas após 15 quilos de maconhas erem apreendidos.

Cassio era o responsável pela casa onde a droga foi encontrada
Ads

A prisão foi realizada por equipe da Polícia Civil após esta receber denúncia de que em um endereço na Rua Gaviões, Bairro Liberdade, Núcleo Cidade Nova, estaria morando um foragido. Não contente com a nada favorável situação, ele também estaria traficando droga no local, apontado como ‘boca de fumo’.

Segundo o delegado Vinicius Cardoso das Neves, diretor da 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil, os policiais fizeram cercos no endereço e durante as buscas, após a abordagem, encontraram 15 tabletes de maconha, de aproximadamente 1 kg cada. Parte deles estavam em uma mala de viagem e o restante escondido dentro do armário do morador responsável pelo imóvel, que era Cássio.

“O Matemático confessou que a droga lhe pertencia, que tinha chegado de Goiânia (Goiás) e que seria distribuída em Marabá e região. Diante da situação, os dois foram conduzidos para a Seccional e autuados em flagrante por tráfico de drogas”, informou a autoridade policial.  Matemático, acrescenta, é condenado por crime de roubo, pelo qual cumpre pena, e já esteve preso sete vezes em flagrante.

Com a dupla foram apreendidos 15 quilos de maconha

“É um indivíduo de altíssima periculosidade que retornou agora ao sistema prisional para continuar a cumprir pena, além de ter sido um duro golpe ao tráfico de drogas no município”, completou o delegado. De acordo com a Polícia Civil, Matemático ainda resistiu à prisão e precisou ser contido. Ele e Cássio foram encaminhados na manhã de hoje, terça-feira (6), ao sistema prisional. (Luciana Marschall – com informações de Evangelista Rocha)

Ads