Correio de Carajás

Sinobras conquista a Copa Adrenma

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O campo do Piçarrão foi palco de mais uma final na noite do último sábado (11). O confronto foi entre Sinobras e América e o jogo foi decidido nas penalidades máximas. A Sinobras jogava representando a Folha 33 na vaga do MEC, que desistiu da competição, enquanto o Amazonas cedeu a vaga para o América, que cumpre suspensão dos eventos da Adrenma, mas achou essa brecha para não ficar de fora do certame.

O jogo foi disputado palmo a palmo. A marcação forte dos dois times dificultava as chances de gols, mas o América através de uma bola parada, cobrada pelo talentoso Gustavo, foi parar nos fundos das redes, colocando o América na vantagem do placar.

A partir daí foi ataque contra defesa. A Sinobras buscava o gol, principalmente com os jogadores Romarinho e Murilo, mas finalizava mal, o América se defendia com todas as forças e teve três jogadores da defesa todos pendurados com cartão amarelo, obrigando o treinador Afileno a fazer substituição ainda no primeiro tempo, mesmo com os seus atletas rejeitando deixar o gramado.

Leia mais:

A Sinobras chegou ao empate depois de um bate-rebate na área a bola sobrou para Murilo que fez um gol ‘chorado’, mas que valeu muita comemoração, pois o time já havia desperdiçado um pênalti com o capitão Pará. O primeiro tempo ficou em 1 a 1.

O segundo tempo teve ainda menos oportunidades de marcar. Os times se preocuparam em marcar mais e depois de um bate-boca foram expulsos dois jogadores, um de cada lado, e o jogo ficou mais morno até chegar ao apito final.

Nos pênaltis quem levou a melhor foi a Sinobras acertando quatro das cinco cobranças, sagrando-se campeã e o América desperdiçou duas batidas, ficando com o vice-campeonato. Além do troféu, a Sinobras recebeu R$ 2 mil reais de prêmio, já o América perdeu o jogo, porém a festa estava garantida com R$ 1 mil em dinheiro. (Márcio Aquino)

 

 

O campo do Piçarrão foi palco de mais uma final na noite do último sábado (11). O confronto foi entre Sinobras e América e o jogo foi decidido nas penalidades máximas. A Sinobras jogava representando a Folha 33 na vaga do MEC, que desistiu da competição, enquanto o Amazonas cedeu a vaga para o América, que cumpre suspensão dos eventos da Adrenma, mas achou essa brecha para não ficar de fora do certame.

O jogo foi disputado palmo a palmo. A marcação forte dos dois times dificultava as chances de gols, mas o América através de uma bola parada, cobrada pelo talentoso Gustavo, foi parar nos fundos das redes, colocando o América na vantagem do placar.

A partir daí foi ataque contra defesa. A Sinobras buscava o gol, principalmente com os jogadores Romarinho e Murilo, mas finalizava mal, o América se defendia com todas as forças e teve três jogadores da defesa todos pendurados com cartão amarelo, obrigando o treinador Afileno a fazer substituição ainda no primeiro tempo, mesmo com os seus atletas rejeitando deixar o gramado.

A Sinobras chegou ao empate depois de um bate-rebate na área a bola sobrou para Murilo que fez um gol ‘chorado’, mas que valeu muita comemoração, pois o time já havia desperdiçado um pênalti com o capitão Pará. O primeiro tempo ficou em 1 a 1.

O segundo tempo teve ainda menos oportunidades de marcar. Os times se preocuparam em marcar mais e depois de um bate-boca foram expulsos dois jogadores, um de cada lado, e o jogo ficou mais morno até chegar ao apito final.

Nos pênaltis quem levou a melhor foi a Sinobras acertando quatro das cinco cobranças, sagrando-se campeã e o América desperdiçou duas batidas, ficando com o vice-campeonato. Além do troféu, a Sinobras recebeu R$ 2 mil reais de prêmio, já o América perdeu o jogo, porém a festa estava garantida com R$ 1 mil em dinheiro. (Márcio Aquino)

 

 

Comentários

Mais

Marabá é representada em live solidária organizada por Cafu

Marabá é representada em live solidária organizada por Cafu

Um dos desportistas brasileiros mais conhecidos no mundo e herói da conquista do pentacampeonato Mundial de futebol como capitão da…
A zoação não tem fim

A zoação não tem fim

Desde o último domingo, flamenguistas vinham tirando sarro dos palmeirenses, primeiro por causa do título conquistado pelo Rubro-negro sobre o…
Equipe do Águia pronta para enfrentar o Remo no domingo

Equipe do Águia pronta para enfrentar o Remo no domingo

Neste domingo (18), às 16 horas, o Águia de Marabá enfrenta o Remo pela quinta rodada da fase de grupos…
Gavião empata no Zinho Oliveira e o Itupiranga no Souza

Gavião empata no Zinho Oliveira e o Itupiranga no Souza

Em jogo emocionante na tarde de ontem (16), no Estádio Zinho Oliveira, em Marabá, o time do Gavião Kyikatêjê viu…
Técnico da Seleção de vôlei é internado com covid-19

Técnico da Seleção de vôlei é internado com covid-19

O técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Renan Dal Zotto, foi internado nesta sexta-feira. O craque da geração de…
Renato Portaluppi não é mais técnico do Grêmio

Renato Portaluppi não é mais técnico do Grêmio

Após reunião da diretoria do Grêmio na manhã desta quinta-feira, a decisão foi de que o técnico Renato Portaluppi não seguirá…