Correio de Carajás

Repórter Correio 17/06/2021

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Vacina e alívio

Tão logo a Prefeitura de Marabá confirmou ontem que vai iniciar no final de semana a vacinação da população em geral, passada a fase das prioridades e comorbidades, a reação foi de comemoração nas redes sociais. O início dessa nova etapa começa com o público com mais de 50 anos no dia 19 e mais de 45 no dia 20. Demais faixas de idade serão confirmadas na próxima semana.

Covid em Marabá

Leia mais:

De outro lado, a pressão sobre o sistema de saúde continua alta. Ontem o dia fechou com 49 leitos de UTI ocupados, dos 50 disponíveis na cidade. Desses pacientes, 21 eram de Marabá. Já as UCEs tinham 13 pacientes para 20 leitos a disposição no Hospital Municipal. Os casos confirmados eram 18.718 e pacientes recuperados: 18.206. De outro lado, os óbitos desde o início da pandemia são 423.

Empregos

O Pará segue batendo recordes na geração de empregos formais e teve o melhor resultado da região Norte no primeiro quadrimestre de 2021, com quase nove mil postos criados. Levantamento feito pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) mostra ainda que, nos últimos 12 meses, o Estado apresenta saldo positivo de empregos formais em todo o Pará. A alta é puxada principalmente pelo setor de serviços.

Crescimento

Houve crescimento em abril deste ano no comparativo entre admitidos e desligados: foram 10.078 admissões contra 7.175 desligamentos, gerando um saldo positivo de 2.903 postos de trabalhos. Em abril de 2020 a situação foi inversa, com perda de 3,7 mil empregos formais.

Matou policial

A Polícia Civil do Pará prendeu um homem acusado de ser o mandante do homicídio do subtenente da reserva da PM Alderson Santos das Chagas, ocorrido no dia 5 de fevereiro de 2019, no bairro Distrito Industrial, em Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém. O acusado foi preso no município de Curuçá, na região Nordeste, por uma equipe de policiais da Delegacia de Homicídios de Agentes Públicos (DHAP) e da Divisão de Homicídios (DH). De acordo com a investigação e os depoimentos de testemunhas, a polícia concluiu que o acusado deu a ordem para executar o PM.

Desmatamento

Uma área de floresta quase do tamanho do município do Rio de Janeiro foi desmatada na Amazônia Legal apenas em maio de 2021. Segundo dados do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), foram detectados 1.125 km² de desmatamento no período, maior saldo da série histórica para o mês dos últimos 10 anos.Esta é a terceira vez consecutiva que a destruição no bioma bate o recorde em uma década: março e abril também registraram os piores índices desde 2012. As informações são do Sistema de Alerta do Desmatamento (SAD), que monitora a Amazônia Legal via satélites.

Desmatamento II

Em relação aos estados, os que mais desmataram foram o Pará e Amazonas, respectivamente, que somaram 688 km² de desmatamento em maio, o que corresponde a 60% do total detectado na região amazônica. O território de floresta destruído em solo paraense e amazonense é semelhante, por exemplo, ao tamanho da cidade de Salvador. No Pará, figuram no topo do ranking dos 10 municípios que mais desmataram em maio Altamira, São Félix do Xingu, Novo Progresso e Itaituba, cidades que frequentemente estão entre as mais críticas.

Comentários

Repórter Correio

Covid em Marabá A vacinação da população adulta em geral (até agora maiores de 25 anos, parcialmente) parece já vir…

Repórter Correio

Mais um aeroporto? Marabá e Carajás podem perder em breve o status de únicos aeroportos do sul e sudeste do…

Repórter Correio

Violência Mais um passo foi dado para aprimorar o combate à violência contra grupos vulneráveis no Pará. Para dar celeridade…

Repórter Correio

Alívio e esperança Marabá completou nesta segunda-feira três dias sem mortes por covid-19. Os números em relação a pacientes graves…

Repórter Correio

Covid no Pará O Pará registrava até esta sexta-feira (16) um total de 566.006 casos de Covid-19 e 15.815 mortes…

Repórter Correio

UTI continua Importante blogueiro de Belém postou que o Hospital Regional em Marabá havia fechado a ala exclusiva para pacientes…