Correio de Carajás

Repórter Correio

A Exposição Agropecuária de Marabá (Expoama 2022) está oficialmente confirmada. Será mais curta, com apenas cinco dias, de quarta a domingo, no período de 20 a 24 de julho. O Sindicato dos Produtores Rurais já iniciou a comercialização de estandes da feira. Nessa configuração, a cavalgada acontecerá no final de semana anterior, no sábado, dia 16. O evento não aconteceu nos últimos dois anos, devido à pandemia de covid-19.

Muita droga

A Polícia Rodoviária Federal do Maranhão apreendeu ontem cerca de 300 kg de cocaína e pasta base de cocaína que estavam sendo transportados dentro de um pneu de trator, por um casal em uma caminhonete, na BR-316, no município de Santa Inês. A droga apreendida equivale a R$ 33 milhões de prejuízo para o narcotráfico.

Leia mais:

Muita droga II

Segundo a PRF, durante a abordagem ao veículo o motorista apresentou nervosismo e confessou durante o interrogatório que estava transportando drogas. Os policiais levaram a caminhonete a um borracheiro da região, que esvaziou o veículo e a polícia encontrou a droga dentro do pneu de trator, distribuída em 260 tabletes.

Justiça Federal

A Justiça Federal proferiu sentença nesta quarta-feira (11) em que confirma que a Agência Nacional de Mineração (ANM) está obrigada a negar atendimento aos pedidos de abertura de processos de pesquisa ou exploração minerária em terras indígenas da região de Santarém, no oeste do Pará. A sentença, que atende pedidos de ação do Ministério Público Federal (MPF), reitera decisão liminar (urgente e provisória) de 2020. A ANM deve indeferir tanto os requerimentos minerários atualmente existentes quanto os que vierem a ser apresentados à agência, determinou o juiz federal Jorge Peixoto.

Justiça Federal II

As Terras Indígenas (TIs) abrangidas pela decisão são: Nhamundá-Mapuera, Trombetas-Mapuera, Katxuyana-Tunayana, Parque Indígena do Tumucumaque, Paru D’Este, Zo’é, Maró, Cobra Grande, Munduruku-Takuara e Bragança-Marituba. A decisão estabeleceu prazo de 30 dias para a análise e o indeferimento imediato de todos os requerimentos minerários existentes que sejam totalmente incidentes em terras indígenas homologadas ou delimitadas e identificadas.

Pesquisa

Estudo da Universidade Federal do Pará (UFPA) identificou a ocorrência de doenças metabólicas crônicas – hipertensão, obesidade e diabetes tipo 2 – em grupos indígenas da região do Xingu e de Marabá, no Pará. Das seis comunidades analisadas, duas apresentaram casos de doenças. O coordenador da pesquisa, o médico e doutor em Ciências Biológicas João Guerreiro, relacionou os males crônicos não apenas a predisposições genéticas, mas a mudanças na alimentação e no estilo de vida das comunidades. O estudo tem previsão de publicação na revista Genetics and Molecular Biology, na quarta-feira (11).

Malária

O Brasil quer zerar os casos de malária até 2035. A estratégia faz parte do Plano de Eliminação da Malária no Brasil, lançado nesta quarta-feira (11), em Brasília. A meta é chegar a 2025 com 68 mil casos. Em seguida, a ideia é registrar números abaixo dos 14 mil até 2030 e reduzir o número de óbitos a zero neste mesmo ano. Uma das doenças parasitárias mais antigas do mundo, a malária é causada por quatro diferentes tipos do protozoário do gênero Plasmodium. Os sintomas mais comuns da doença são febre alta, calafrios e falta de apetite.

Incêndio

Uma loja de produtos agropecuários e materiais de construção pegou fogo nesta quarta-feira (11), no município de Tucumã, no sudeste do Pará. Não há grupamento de bombeiros na cidade. Segundo a Prefeitura, o incêndio começou por volta das 11h30 da manhã e atingiu os fundos da loja AgroForte, localizada na PA-279. Em vídeo compartilhado nas redes sociais é possível ver a loja repleta de chamas e uma fumaça preta saindo do local. Para apagar o fogo até um avião de pequeno porte, carregando água, foi usado.

Maniçoba

O projeto de lei que torna a maniçoba, um símbolo da culinária regional paraense, Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial do Pará foi aprovado por unanimidade pelos deputados nesta terça-feira (10), na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa). A matéria segue para apreciação e sanção do governador Helder Barbalho.

Comentários

Repórter Correio

Praia Os primeiros metros de praia do Tucunaré já foram suficientes para o final de semana atrair visitantes ao balneário,…

Repórter Correio

Frio em Marabá? Foi a sensação da grande maioria da população ao levantar na manhã de ontem (20), com menos…

Repórter Correio

Nem igreja escapa Desde final de abril, a Catedral de Marabá, vive uma situação inusitada.  Segundo o padre Ademir Gramelik,…

Repórter Correio

Fato grave O Presidente da Federação de Futsal do Pará (Fefuspa), Davi Leal, foi esfaqueado na manhã de sábado, dia…

Repórter Correio

Nem autoridade escapa Três homens suspeitos de praticarem um assalto com reféns à casa do vice-prefeito de Cachoeira do Piriá,…

Repórter Correio

Eleitoral No dia 4 de maio, data de encerramento do cadastro eleitoral, o TRE do Pará realizou 70.885 atendimentos em…