Correio de Carajás

Reconstituição

Foto: Divulgação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A mutilação mamária é sempre um trauma para as mulheres. Para reduzir as consequências, a cirurgia plástica reconstrutiva é coberta pelo Sistema Único de Saúde (SUS), de acordo com a Lei 9.797/1999, portanto não é considerado um procedimento estético. E, caso as condições para a reconstruções sejam possíveis, o procedimento pode ser feito na mesma cirurgia em que a mastectomia foi realizada. Isso foi garantido pela Lei 12.802/2013. No entanto, nem sempre é possível que o procedimento ocorra junto à mastectomia. O momento ideal para a reconstrução deve ser avaliado junto ao médico e depende do tipo de câncer e estágio e também das características pessoais de cada paciente.

Comentários
Prova de vida

Prova de vida

Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que deveriam fazer a prova de vida até maio e junho…
Extensão da orla

Extensão da orla

Novas imagens do espaço que está sendo chamado de Mirante da Orla foram divulgadas ontem pela Prefeitura de Marabá junto…
Câncer

Câncer

Esta terça-feira (27) é o Dia Mundial de Prevenção do Câncer de Cabeça e Pescoço e ponto alto da campanha…
Ciclofaixa ameaçada

Ciclofaixa ameaçada

No último mês o Dnit finalizou a sinalização com pintura e tachões da pista da BR-230 (na duplicação) em Marabá…
Vacinação

Vacinação

Depois de ter liberado vacinação contra a covid-19 para maiores de 25 anos no dia 20 de julho, a Prefeitura…
Perigo cotidiano

Perigo cotidiano

Cenas de câmera de segurança que circulam na internet mostram toda a ação de um trio ao assaltar um depósito…