Correio de Carajás

Prevenção em Saúde

Coluna Dr. Nagilson

Coluna Dr. Nagilson

Nagilson Amoury

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A prevenção primária de atendimento médico tem como ideia evitar que a doença se desenvolva sob qualquer condição que necessite de intervenção médica. Praticar exercícios físicos e monitorar parâmetros é um hábito saudável na prevenção em saúde.

     Para isso, ganham destaque as medidas e hábitos saudáveis. Entre eles, não fumar, não consumir álcool com frequência, ter uma dieta nutritiva e praticar exercícios físicos. A lista inclui ainda construir relacionamentos saudáveis, investir em autodesenvolvimento e inteligência emocional.

     Da mesma forma que a mudança comportamental, essas ações colaboram para a saúde mental, prevenindo males como a depressão e a ansiedade. Além disso, precisamos considerar a importância do monitoramento médico de caráter preventivo, com a realização de check-ups periódicos. A estratégia permite que o profissional se aproxime do cliente, identificando e trabalhando para diminuir riscos de doenças.

Leia mais:

      Em relação a prevenção secundária temos o diagnóstico precoce que elevam as chances de cura e tratamento para uma série de enfermidades. Um bom exemplo disso é o câncer de mama, um dos tipos mais comuns entre as mulheres. Ela atua para identificar os males em estágios iniciais para evitar que evoluam para eventos sérios.

      No caso do câncer de mama, pacientes com mais de 40 anos, devem realizar mamografia anualmente. Permite a visualização de pequenos nódulos que determinam os estágios iniciais da doença. Outro exemplo se dá com a identificação e o controle de altas taxas de colesterol ruim ou gordura abdominal em pessoas sedentárias. São condições que necessitam acompanhamento médico periódico prevenindo doenças cardiovasculares.

      Já as medidas de prevenção terciária são tomadas quando o paciente já desenvolveu a doença. O objetivo de minimizar efeitos adversos, desdobramentos e complicações. É o caso do monitoramento e tratamento do Alzheimer.

     Nesse caso, a atuação médica preventiva ajuda a retardar o avanço de sintomas como a perda da memória e a deterioração cognitiva. Da mesma forma, posso citar a resposta rápida diante do diagnóstico de Aids. Ela impede o comprometimento das defesas do organismo, podendo oferecer uma vida próximo do normal ao paciente que aderir à terapia.

      Finalmente, a prevenção quaternária, foca no tipo de tratamento ofertado, priorizando práticas que diminuam a dependência de medicamentos, possíveis sequelas e restrições. Por isso recomenda-se condutas médicas são decisivas para o sucesso da abordagem preventiva em saúde.

     Em relação às estratégias de medicina preventiva, falaremos de boas práticas que fazem a diferença, contribuindo para uma prática saudável e ativa. Então, boas práticas de prevenção primária que você pode incorporar ao seu dia a dia.

      Condição física, disposição, raciocínio e imunidade são alguns dos fatores influenciados pela alimentação. Uma dieta balanceada está na base de qualquer estratégia de prevenção primária eficiente. Devem ser consumidos quantidades suficientes dos três grupos alimentares: construtores, ricos em proteínas; reguladores, que fornecem fibras, vitaminas e minerais; energéticos, ricos em gordura e açúcar.

      Uma regra útil é ingerir mais proteínas, vitaminas e minerais, combinando carnes a verduras, frutas e legumes. As gorduras e açúcares têm seu papel, mas o consumo deve ser mais limitado para evitar o sobrepeso, colesterol alto e o acúmulo de placas de gordura nos vasos sanguíneos. Vale, ainda, diversificar os alimentos, investindo em pratos coloridos e nutritivos.

      Ser ativo ajuda no combate e prevenção de diabetes tipo 2, depressão, ansiedade, doenças cardiovasculares e até câncer. Também pode melhorar o condicionamento físico, a memória e saúde cerebral, proporcionando momentos de prazer pela liberação de hormônios como a endorfina.

* O autor é especialista em cirurgia geral e saúde digestiva.

Comentários

Retinoblastoma

      O retinoblastoma é o tipo de tumor ocular infantil mais frequente em crianças de 2 a 5 anos de…

Vermes do Olho de Peixe

       Circulam nas redes sociais a notícia de uma doença que acomete os olhos de peixes de nossa região. O…

Fibromialgia

A fibromialgia é condição rara que se caracteriza por dor muscular generalizada, crônica (mais de três meses), mas que não…

Falta de sono

      O termo insônia pode ser utilizado em diferentes contextos, desde o distúrbio do sono específico até como sintoma relacionado…

Vida Saudável

Quando o assunto é qualidade de vida, há unanimidades entre médicos e especialistas das mais diversas áreas. “É preciso avaliar…

TERAPEUTICA HIPERBÁRICA

      A oxigenoterapia hiperbárica é utilizado em vários países como: Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Espanha, Inglaterra, Itália, França, Rússia, Japão,…