Correio de Carajás

Prefeito Benjamin Tasca reassume cargo em Itupiranga

Recuperado da covid-19, Benjamin Tasca acena a apoiadores na saída de desembarque do Aeroporto de Marabá
Recuperado da covid-19, Benjamin Tasca acena a apoiadores na saída de desembarque do Aeroporto de Marabá
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O prefeito de Itupiranga, Benjamin Tasca (PSD), foi recepcionado no fim da manhã desta segunda-feira (1º) por correligionários no saguão do Aeroporto de Marabá “João Corrêa da Rocha”, onde desembarcou para retornar ao município, distante 48 quilômetros, e reassumir a tarefa para a qual foi eleito. Ele estava internado em leitos de UTI e enfermaria desde o início de janeiro, primeiro no Hospital Regional do Sudeste do Pará “Dr. Geraldo Mendes de Castro Veloso” (HRSP) e depois no Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo, devido a implicação pulmonar grave da covid-19.

Tasca deixou o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, às 6h. De lá, seguiu para o Aeroporto Internacional de Brasília “Presidente Juscelino Kubitscheck” em escala, de onde saiu às 10h30. O prefeito chegou a Marabá pouco mais de uma hora depois, às 11h40. Conforme o secretário de Obras de Itupiranga, Paulo Sérgio Barros, a viagem foi tranquila. Ele acompanhou o mandatário em grande parcela do seu tratamento contra a doença do novo coronavírus, visto que o gestor não possui esposa e filhos.

De acordo com Paulo, o prefeito Benjamin ainda não concederá entrevistas a organismos de Imprensa por enquanto. Ao chegar a Itupiranga, ele foi recepcionado pela população com faixas, cartazes e até fogos de artifício. Antes disso, seu retorno ao município foi seguido por uma comitiva de veículos de apoiadores. Já na sede da prefeitura, houve oração por parte de um reverendo do município pelo restabelecimento da saúde do executivo. Tudo foi registrado pelas lentes de celular dos presentes e em nenhum momento Tasca desceu do automóvel em que estava, uma Toyota Hilux, de modo a manter o isolamento social.

Leia mais:
Esta comitiva de veículos acompanhou o retorno do prefeito a Itupiranga pela BR-230 no início da tarde

Em seguida, o prefeito ingressou no paço municipal para assinar o termo de reintegração ao cargo de prefeito. Em seu lugar. durante quase um mês, ficou o vice-prefeito José da Aparecida Soares Menez, o conhecido “Professor Menezes” (MDB), que ao contrário da maioria dos substitutos, buscou uma posição de equanimidade à frente da máquina pública. Ele marcou presença ao ato de transmissão de cargo, que é próprio do regime democrático e prova do bom relacionamento entre os dois.

Paulo Barros, pelo que declarou a repórter do CORREIO, está atuando quase como assessor direto de Benjamin Tasca. Ele tem sido peça fundamental no tratamento e acompanhamento da evolução clínica do político, que chegou cansado da viagem. Só no Aeroporto de BSB, por exemplo, Tasca caminhou mais de 4 quilômetros por entre os longos corredores, segundo Barros.

“Os aeroportos de São Paulo e Brasília são muito grandes. Ele andou uns 4 quilômetros dentro deles. Chegou um pouco cansado da viagem. Almoçou, tomou banho e descansou durante a tarde, depois de assinar o termo de posse na prefeitura. Ele está em casa, na guarda dos próprios funcionários. A partir de amanhã, ele voltará a trabalhar aos poucos”, antecipou Paulo.

Por falar em trabalho, os primeiros atos de Benjamin Tasca no retorno ao comando da prefeitura deve ser uma auditoria detalhada no secretariado para avaliar a saúde financeira do município e planejar as metas propostas para a administração no quadriênio 2021–2024. “Agora, ele [Benjamin] vai tomar conhecimento dos atos do vice-prefeito no cargo e analisar caso a caso. Mas de imediato, o gestor vai levantar a situação de cada secretaria para ver como estão as finanças da prefeitura”, adiantou ele.

Benjamin Tasca retorna a Itupiranga

Na ausência de Benjamin, o vice-prefeito expediu dois decretos considerados controversos pela população local, enrijecendo as medidas de combate à proliferação da covid-19. Até toque de recolher a partir das 22h foi determinado, logo no dia em que 561 doses da vacina CoronaVac, do Instituto Butantan, chegaram a Itupiranga. Além disso, o número de casos confirmados da doença na cidade estagnou na faixa de 870, com 39 mortes. (Da Redação, com Josseli Carvalho)

Comentários

Mais

Dr. Naves retorna a Marabá e é recebido com festa por familiares e amigos

Dr. Naves retorna a Marabá e é recebido com festa por familiares e amigos

José Divino Naves, mais conhecido como Dr. Naves, desembarcou às 16h30 deste sábado (18) em Marabá, após passar 5 meses…
Índice reúne dados sobre a inclusão de brasileiros com deficiência

Índice reúne dados sobre a inclusão de brasileiros com deficiência

Passados 11 anos desde a realização do último censo nacional, o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural, uma associação sem…
Anvisa aprova indicação de baricitinibe para covid-19

Anvisa aprova indicação de baricitinibe para covid-19

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou na noite desta sexta-feira que aprovou a indicação do medicamento baricitinibe para…
Pará registra 587.922 casos de Covid-19 e 16.578 mortes pela doença

Pará registra 587.922 casos de Covid-19 e 16.578 mortes pela doença

O Pará contabilizou mais 51 casos de Covid-19 e 4 mortes causadas pela doença. Segundo o boletim divulgado pela Secretaria…
“Forma Pará” recepciona calouros de Jacundá e Itupiranga

“Forma Pará” recepciona calouros de Jacundá e Itupiranga

“O Forma Pará, antes de qualquer coisa, é um programa que cuida de pessoas. E vocês também serão profissionais que…
Família de adolescente morto por “Trem da Alegria” não recebeu apoio financeiro da empresa

Família de adolescente morto por “Trem da Alegria” não recebeu apoio financeiro da empresa

A família do adolescente Marcos Henrique dos Santos, de 14 anos, que foi morto na noite desta quinta-feira (16), no…