Fotos: reprodução redes sociais

Mais uma vez o município de Bom Jesus do Tocantins, localizado a 66 km de Marabá, foi cenário para um ataque a banco. Informações colhidas pelo Correio de Carajás dão conta de que, pelo menos, seis indivíduos explodiram a agência do Banco do Estado do Pará (Banpará) na madrugada dessa terça-feira (10) na cidade, utilizando-se bombas e armamento pesado, além de três motocicletas e um carro pequeno para realizar o ato criminoso. O veículo, inclusive, já foi localizado por equipes da polícia militar, que continuam a busca pelos suspeitos.

ALICERCE
TH SISTEMAS
FUTURO POSTAGEM

O fato ocorreu por volta das 4 horas da manhã e o bando teria seguido por uma vicinal que dá acesso à Nova Ipixuna. Os suspeitos ainda fizeram dois reféns, um vigilante da agência bancária e um funcionário de um posto de gasolina, na saída para o município de Abel Figueiredo, na BR-222. As informações foram repassadas pelo coronel Mauro Sérgio, comandante do CPR II (Comando de Policiamento Regional), quem confirmou que duas guarnições da PM já foram enviadas ao local. Ele acrescentou que ainda falta confirmar alguns fatos.

Pelas fotos divulgadas nas redes sociais, é possível perceber que caixas eletrônicos e o teto da agência foram danificados, além disso, cápsulas de armas também foram encontradas no local. O comandante do CPR II destacou que polícia militar vem desenvolvendo um planejamento para coibir ataques deste tipo na região, e que os criminosos têm atuado na madrugada para realizar os assaltos.

“A policia militar normalmente vem tendo êxito no plano operacional dela. Antigamente, a gente via quadrilhas como essas sitiarem as cidades, fazerem um terror, e ultimamente não temos visto isso na região durante o dia. Geralmente, agora está ocorrendo na madrugada. Ou seja, eles aproveitam o movimento pequeno, quando o policiamento é menor para fazerem essa ação criminosa”.

Segundo ele, o banco ainda não informou a quantidade em dinheiro que foi subtraída pelos criminosos, observando que esta contagem pode demorar um tempo para ser concluída. A operação conta com o apoio do Grupamento Aéreo de Segurança Pública do Pará (GRAESP). (Nathália Viegas com informações de Evangelista Rocha)

RADIO CORREIO HORIZONTAL
PIZZARIA O SEGREDO DO CHEFF
DEPNEUS
TH SITES HORIZONTAL
FUTURO HORIZONTAL
ROMANCE FAVORITA

Comentários