Correio de Carajás

Polícia encontra suspeitos de envolvimento em chacina do Guamá, em Belém

Carro que teria sido usado em crime foi apreendido com dois suspeitos — Foto: Polícia Civil/Ascom
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Dois suspeitos de envolvimento na chacina do Guamá foram presos em flagrante na tarde desta terça-feira (21) na Divisão de Homicídios, em Belém. O crime ocorreu no domingo (19), quando homens encapuzados invadiram um bar e mataram onze pessoas. Os suspeitos estavam com o veículo que teria sido usado no crime e foram encontrados com coletes à prova de balas e armas. A polícia investiga se eles estavam no grupo de atiradores.

“Sobre o envolvimento direto da dupla no crime, só a investigação poderá afirmar. Porém, de antemão, eles foram presos em flagrante por porte ilegal de armas e fraude processual, e devem ser incluídos no inquérito da chacina”, explica o Delegado Geral da Polícia Civil, Alberto Teixeira.

De acordo com Teixeira o carro, que foi apreendido com os suspeitos no bairro do Guamá, estava sendo descaracterizado: haviam sido trocados as rodas e os vidros.

Leia mais:

Segundo com as investigações, uma festa ocorria no local da chacina quando sete homens encapuzados chegaram em uma moto e três carros e dispararam contra as vítimas. Quase todas foram baleadas na cabeça. Dos 11 mortos, seis são mulheres e cinco são homens. Entre os mortos está a dona do bar.

 

 

 

 

 

  • Márcio Rogério Silveira Assunção, 36 anos;
  • Samira Tavares Cavalcante, 36 anos;
  • Leandro Breno Tavares da Silva, 21 anos;
  • Meire Helen Sousa Fonseca, 35 anos;
  • Paulo Henrique Passos Ferreira, 24 anos;
  • Flávia Teles Farias da Silva, 32 anos;
  • Sérgio dos Santos Oliveira, 38 anos;
  • Tereza Raquel Silva Franco, 33 anos;
  • Maria Ivanilza Pinheiro Monteiro (dona do bar), 52 anos;
  • Samara Silva Maciel, 23 anos;
  • Alex Rubens Roque Silva, 41 anos.
Chacina em Belém - Local: crime ocorreu em bar no Guamá, bairro da periferia de Belém. — Foto: Arte: G1
Chacina em Belém – Local: crime ocorreu em bar no Guamá, bairro da periferia de Belém. — Foto: Arte: G1

Investigação

A Divisão de Homicídios da Polícia Civil investiga o crime e realiza buscas aos criminosos. Até o momento, 23 pessoas foram ouvidas.

A Polícia trabalha com a hipótese de que o local do crime tenha relação com o tráfico de drogas. Porém, a polícia não descarta outras hipóteses para o incidente, já que na semana passada três policiais militares foram assassinados em Belém.

Uma reunião da cúpula de segurança do Estado foi convocada pelo governador Helder Barbalho para tratar de medidas emergenciais depois da chacina. A Polícia Civil já tem informações sobre os armamentos usados pelos criminosos durante a ação.

Bairro recebeu Força Nacional

O Guamá é o bairro mais populoso de Belém e um dos sete da região metropolitana da capital paraense que receberam, em março, a Força Nacional, devido aos elevados níveis de criminalidade. Ao todo, 274 agentes fazem o patrulhamento nesses locais, batizados de territórios de pacificação pelo governo estadual. Segundo a gestão Helder Barbalho (MDB), houve queda no número de mortes no primeiro mês de atuação.

(Fonte:G1)

Mais

Corpo é encontrado degolado na beira do rio, na Folha 8

Corpo é encontrado degolado na beira do rio, na Folha 8

Foi identificado como Wallame Franco de Mesquita, de 30 anos, o corpo localizado na quarta-feira (12). por volta das 19h10,…
Foragido por homicídio no Tocantins é preso em Parauapebas

Foragido por homicídio no Tocantins é preso em Parauapebas

Eliwelton Carneiro da Silva foi preso na noite desta quinta-feira (13), no Bairro Cidade Jardim, em Parauapebas. Consta contra ele…
Briga de casal resulta em morte de homem na zona rural de Anapu

Briga de casal resulta em morte de homem na zona rural de Anapu

A Vila Acrolina, zona rural do município de Anapu, na região Sudoeste do Pará, registrou um crime de masculinicídio na…
Dupla furta peças de caminhão avaliadas em R$ 120 mil

Dupla furta peças de caminhão avaliadas em R$ 120 mil

Foram presos na manhã desta quinta-feira (13), em Parauapebas, Bismarck da Conceição Cristino e Leandro Santos Cabral pelo furto de…
Servidor é executado em caçamba da Prefeitura de Abel Figueiredo

Servidor é executado em caçamba da Prefeitura de Abel Figueiredo

A Polícia Civil investiga os motivos que levaram à execução do servidor da Prefeitura de Abel Figueiredo, Eduardo de Souza…
Foragido há 22 anos de Redenção é preso no Piauí

Foragido há 22 anos de Redenção é preso no Piauí

Foragido há 22 anos, o paraense José Luiz Maciel de Sousa, um dos presos da operação ‘Ação Integrada’, deflagrada nesta…