Correio de Carajás

Parauapebas: PM presenteia 250 crianças do Cemap

Capitão Faustino: “É um dia ímpar, um dia muito feliz para o Batalhão" / Fotos: Ronaldo Modesto
Capitão Faustino: “É um dia ímpar, um dia muito feliz para o Batalhão" / Fotos: Ronaldo Modesto
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Pipoca, algodão doce, pula-pula e presentes foram as atrações para 250 crianças do Centro de Missões Amando o Próximo (Cemap) que participaram de uma ação de solidariedade na manhã desta sexta-feira (20), no 23º Batalhão de Polícia Militar, em Parauapebas.

Para o comandante interino da PM, capitão Faustino, trata-se de um dia muito feliz para o batalhão. “Hoje estamos ultrapassando 200 crianças atendidas e vamos avançar cada vez mais. Mas o que me deixa feliz é o apoio que nós temos não só do nosso comandante de Marabá, como o próprio comandante do batalhão. São pessoas ímpares ao apoio que nos dão”, comentou.

Francileia leva os três filhos para brincarem no Batalhão da PM

Conforme ele, a PM se sente agraciada em receber as crianças. “Essas crianças merecem um momento natalino, um momento festivo”, finalizou o capitão. Já a presidente do Cemap, Mel Nascimento, conta que este é o segundo ano que a entidade participa a convite do comandante.

Leia mais:

“Nós somos do Bairro Tropical, que é um bairro carente, e eles já conhecem o trabalho do Cemap. Isso significa muito porque a maioria das crianças é carente, certamente não teria brinquedo de fim de ano. Talvez eu, como presidente, também não alcançaria esse número de brinquedos através de doações. Para gente é o agir de Deus”, emociona-se Mel.  

Sob os olhares da mãe, Tayla brinca no pula-pula

Francileia Conceição é mãe da Safira, 3 anos, do Alan, 5 anos, e da Tauane, 7 anos. Pela primeira vez levou os filhos para a confraternização solidária. “É a primeira vez que estou vindo, estou achando ótimo porque o nosso bairro não tem tanta opção de estar levando as crianças. Como surgiu essa possibilidade eu resolvi trazer eles hoje”, comentou.

Com apenas 4 anos, Tayla Lima brincou muito no pula-pula e disse ser “uma dia muito feliz” para ela. A mãe da pequenina, Cristina Lima, considera que a ação é boa. “Eu estou achando muito legal, a gente fica só dentro de casa, tem que se divertir um pouquinho com as crianças”, reconhece. (Theíza Cristhine e Ronaldo Modesto)

Comentários

Mais

Papa Francisco alerta para "retrocesso da democracia"

Papa Francisco alerta para "retrocesso da democracia"

O papa Francisco considerou hoje (4) que há “um retrocesso da democracia” na Europa e no resto do mundo, sobretudo…
É falso que a África do Sul tenha questionado a existência da variante Ômicron

É falso que a África do Sul tenha questionado a existência da variante Ômicron

Falso É falso que o governo da África do Sul tenha dito que a variante Ômicron não existe e que…
Neste sábado (04) chegam ao Pará mais 100.620 vacinas contra a Covid-19

Neste sábado (04) chegam ao Pará mais 100.620 vacinas contra a Covid-19

O Pará recebeu, na madrugada deste sábado (4), no Aeroporto Internacional de Belém, 100.620 doses da vacina Pfizer. Até o…
Anac: pesquisa sobre compra de passagens aéreas será encerrada amanhã

Anac: pesquisa sobre compra de passagens aéreas será encerrada amanhã

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) encerra amanhã (5) uma pesquisa sobre fatores e critérios utilizados por passageiros ao escolher uma…
MP recomenda que Prefeitura de Marabá reveja estratégias de combate ao coronavírus

MP recomenda que Prefeitura de Marabá reveja estratégias de combate ao coronavírus

Nesta sexta-feira (3), o Ministério Público do Estado do Pará recomendou que a Prefeitura Municipal de Marabá acompanhe e fiscalize…
Biquini Cavadão fala ao Correio de Carajás sobre Rock in Roça e volta aos palcos

Biquini Cavadão fala ao Correio de Carajás sobre Rock in Roça e volta aos palcos

Em 2020, a banda Biquini Cavadão completou 35 anos de história, que seriam comemorados com uma turnê especial da banda…