Correio de Carajás

Pandemia ajudou a diminuir número de acidente em Marabá

Queda no número de acidentes ajuda a diminuir quantidade de pessoas internadas nos Hospitais/ Foto: Evangelista Rocha

MENOS VEÍCULOS

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Embora a frota esteja sempre crescendo, nos dois anos de pandemia do novo coronavírus a quantidade de sinistros despencou

A imprudência de motoristas no trânsito causa aproximadamente 90% dos acidentes no Brasil e no mundo. A causa mais comum é a falta de atenção, seguida pela desobediência às regras de trânsito, como velocidade incompatível e consumo de álcool.

Contudo, muitos acidentes também acontecem por conta de rodovias com péssimas condições de trafegabilidade, sem sinalização e pavimentação.

Em Marabá, no comparativo do ano de 2020 em relação aos anos de 2018 e 2019, os números de acidentes no município diminuíram consideravelmente. Claro, havia uma pandemia no meio do caminho, ou melhor, da estrada. Com isso, as pessoas passaram a ficar mais em casa e deixaram de circular com tanta frequência pelas ruas.

Leia mais:

De acordo com os dados informados pelo Departamento Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (DMTU), desde o mês de março – início da pandemia – é possível ver os números de sinistros de trânsito menores que nos anos anteriores.

Em 2018, Marabá registrou um total de 296 acidentes. No ano seguinte, em 2019, o município aumentou para 308 sinistros.

A diminuição desse número veio em 2020, quando foram registrados 241 acidentes, totalizando uma redução de 21,75%.

VÍTIMAS FATAIS

Assim como nas estatísticas do restante do Brasil, em Marabá quem tem mais probabilidade de morrer em um acidente de trânsito são condutores de motocicletas.

Os dados a seguir mostram o número de vítimas fatais em razão de acidentes de trânsito e que chegaram a ir para o Hospital Regional do Sudeste do Pará.

Em relação a sinistros envolvendo automóveis, em 2018 três pessoas morreram no HRSP, em decorrência de sinistros. Em 2019, foi registrada uma morte e, em 2020, ninguém morreu.

Em se tratando de acidentes por motocicletas, esse número é 3 vezes maior em todos os anos.

Em 2018 e 2019, 20 pessoas – 10 em cada ano – foram encaminhadas ao HRSP por terem se envolvido em acidentes de trânsito com motocicletas e acabaram perdendo a vida. Em 2020, esse número baixou para 9.

INFRAÇÕES

O Departamento de trânsito vem trabalhando durante todos esses anos na educação do condutor. Palestras, visitas a empresas e locais onde motoristas autônomos trabalham, para que possam fazer das vias públicas de Marabá, um local com o trânsito mais consciente.

E esse trabalho de conscientização pode ser visto através dos números. Em 2018 mais de 20 mil pessoas foram penalizadas por estarem infringindo alguma lei de trânsito. Em 2019 esse número caiu para 14.910, e em 2020 13.231 pessoas sofreram infrações.

FROTA DE VEICULOS

A cada ano, Marabá aumenta consideravelmente os números de veículos que transitam nas suas vias. Isso pode ser percebido com ruas e avenidas que antes não congestionavam e hoje vivem engarrafadas.

Em 2018, Marabá contava com cerca de 114 mil veículos. No ano seguinte, 7 mil veículos a mais começaram a trafegar na cidade, ultrapassando um total de 121 mil.

Em 2020 – início da pandemia – mesmo com a reclusa de muitas pessoas dentro de casa, a venda de automóveis e motocicletas disparou no mercado. E Marabá fechou o ano com 127.141 veículos nas ruas.

O DMTU também forneceu os números dos 4 primeiros meses de 2021, que já chegou na casa de 127.732. Ou seja, em quatro meses 591 veículos foram adquiridos ou chegaram vindos de outras cidades para rodar em Marabá.

(Ana Mangas e Ulisses Pompeu)

Comentários

Mais

Covid: Marabá inicia vacinação da população em geral no dia 19

Covid: Marabá inicia vacinação da população em geral no dia 19

A notícia mais esperada e sonhada pela população de Marabá finalmente foi confirmada na tarde desta quarta-feira (16) pela Prefeitura…
É falso que jogador dinamarquês tenha se vacinado antes de sofrer mal súbito

É falso que jogador dinamarquês tenha se vacinado antes de sofrer mal súbito

INVESTIGADO POR: VERIFICADO POR:   Leia mais: + Covid: Marabá inicia vacinação da população em geral no dia 19 + Estudo…
Estudo com hidroxicloroquina não comprova eficácia no ‘tratamento precoce’

Estudo com hidroxicloroquina não comprova eficácia no ‘tratamento precoce’

INVESTIGADO POR:  VERIFICADO POR:  É enganosa postagem no Twitter que associa um estudo pré-publicado, portanto sem revisão dos pares, com…
Produtores de citrus, na região, precisam se cadastrar na Adepará

Produtores de citrus, na região, precisam se cadastrar na Adepará

Com o objetivo de realizar um trabalho preventivo e obter dados dos produtores de citrus – laranja, limão e tangerina…
Ao contrário do que afirma post, ivermectina em altas doses pode causar até convulsão

Ao contrário do que afirma post, ivermectina em altas doses pode causar até convulsão

INVESTIGADO POR:  VERIFICADO POR: É enganosa postagem de médico no Twitter e no Instagram afirmando que a ivermectina é um…
Saiba quem não deve tomar a Sputnik V; Anvisa autorizou Pará a comprar vacina

Saiba quem não deve tomar a Sputnik V; Anvisa autorizou Pará a comprar vacina

A importação da vacina Sputnik V ao Pará, aprovada nessa terça-feira, 15, deverá ser realizada sob condições controladas. Por isso de acordo…