Correio de Carajás

Museu municipal de marabá terá programação especial em julho

 

O Museu Municipal estará aberto para visitação, aos sábados de 8h às 14h, durante todo o mês de julho. No espaço funciona uma exposição permanente, “MARABÁ ATRAVÉS DO TEMPO”, onde são expostos os materiais coletados ao longo da história pela Fundação.

A presidente da FCMM, Vanda Américo, explica que nas férias, além de moradores da cidade, Marabá conta com um grande número de turistas que durante o mês de julho buscam locais para visitar, e a Casa da Cultura é um dos pontos turísticos da cidade, por isso, foi desenvolvida esta programação especial.

Leia mais:

“ Nada mais justo que mostrar um pouco da história não só de Marabá, mas da região, através do Museu Municipal, onde temos exposições sobre Geologia, Espeleologia, Arqueologia, Botânica, Zoologia, Antropologia, Lendas Regionais e os Ciclos Econômicos, além das nossas exposições externas, em pontos estratégicos da FCCM e isso dá a oportunidade para que as pessoas conheçam a história da nossa cidade” ressalta Vanda.

A Fundação Casa da Cultura de Marabá (FCCM) vem se dedicando ao longo de sua história a preservar e conservar a memória regional de Carajás fazendo a coleta de materiais com a ajuda inclusive da comunidade. A ideia surgiu em 1982, com o Grupo Ecológico de Marabá – GEMA, que preocupado com as grandes transformações na região, como as implantações de grandes projetos. Dentre eles, a Hidrelétrica de Tucuruí, Projeto Grande Carajás, Garimpo de Serra Pelada, entre outros, indicava um cenário crítico para a preservação da Memória Regional. Desde então, a FCCM tem sido o principal referencial para pesquisas, já que guarda materiais tanto da cultura material como imaterial, ampliando ainda mais o acervo.

(Divulgação PMM)

 

 

 

O Museu Municipal estará aberto para visitação, aos sábados de 8h às 14h, durante todo o mês de julho. No espaço funciona uma exposição permanente, “MARABÁ ATRAVÉS DO TEMPO”, onde são expostos os materiais coletados ao longo da história pela Fundação.

A presidente da FCMM, Vanda Américo, explica que nas férias, além de moradores da cidade, Marabá conta com um grande número de turistas que durante o mês de julho buscam locais para visitar, e a Casa da Cultura é um dos pontos turísticos da cidade, por isso, foi desenvolvida esta programação especial.

“ Nada mais justo que mostrar um pouco da história não só de Marabá, mas da região, através do Museu Municipal, onde temos exposições sobre Geologia, Espeleologia, Arqueologia, Botânica, Zoologia, Antropologia, Lendas Regionais e os Ciclos Econômicos, além das nossas exposições externas, em pontos estratégicos da FCCM e isso dá a oportunidade para que as pessoas conheçam a história da nossa cidade” ressalta Vanda.

A Fundação Casa da Cultura de Marabá (FCCM) vem se dedicando ao longo de sua história a preservar e conservar a memória regional de Carajás fazendo a coleta de materiais com a ajuda inclusive da comunidade. A ideia surgiu em 1982, com o Grupo Ecológico de Marabá – GEMA, que preocupado com as grandes transformações na região, como as implantações de grandes projetos. Dentre eles, a Hidrelétrica de Tucuruí, Projeto Grande Carajás, Garimpo de Serra Pelada, entre outros, indicava um cenário crítico para a preservação da Memória Regional. Desde então, a FCCM tem sido o principal referencial para pesquisas, já que guarda materiais tanto da cultura material como imaterial, ampliando ainda mais o acervo.

(Divulgação PMM)

 

 

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.