Correio de Carajás

MP de Marabá vai à Justiça para garantir vacina a idosos

- Número de idosos vacinados contra covid-19 em Marabá ainda é pequeno, na avaliação do MP
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Ministério Público do Estado do Pará, por meio das promotoras de justiça Lílian Freire e Mayanna Queiroz, titulares da 13ª e 6ª Promotoria de justiça de Marabá, respectivamente, ajuizou Ação Civil Pública (ACP) com pedido de tutela provisória de urgência, contra a Prefeitura municipal de Marabá, buscando garantir o direito à prioridade de imunização das pessoas idosas.

A Promotoria destaca na ação que apesar da maioria dos casos de covid-19 no Pará terem sido em adultos, na faixa etária de 30 a 59 anos, os casos em idosos tem maior proporção de óbitos. Mais de 74% das mortes por covid-19 no Pará ocorreram com pessoas com mais de 60 anos, ou seja, a chance de óbito em idosos é 15 vezes maior quando comparadas com grupos de não idosos (de 0 a 59 anos). Além disso, os idosos são a parcela da população que mais apresenta sintomas graves da doença e consequentemente ocupam os leitos de hospitais.  Essas informações estão comprovadas na ACP por meio de gráficos e tabelas. 

Segundo os dados do ofício expedido pela Secretaria de Saúde de Marabá em 23 de fevereiro e do boletim de covid-19 disponível na página oficial do município, ocorreram 281 óbitos na cidade, destes 208 eram idosos. Nas redes sociais oficiais da prefeitura foi divulgada a chegada de 5.492 doses da vacina e que apenas 614 das doses foram destinadas à população idosa. Enquanto 57,17% das vacinas recebidas foram destinadas aos profissionais de saúde, apesar de apenas 0,71% dos óbitos recaem sobre os profissionais de saúde do município, sendo um deles, idoso.

Leia mais:

No texto na ACP reforça-se ainda que o plano nacional de vacinação contra covid-19 estabelece prioridade para proteção dos indivíduos com maior risco de desenvolver formas graves da doença.

Diante disso, o MPPA requer que seja assegurada a prioridade na vacinação de idosos, nos termos da Lei n° 10.741/2003 (Estatuto do Idoso). Seja deferido o pedido de tutela de urgência, com a finalidade de que seja garantido atendimento integral das pessoas idosas residentes do Município de Marabá, de acordo com o plano nacional de imunização.

Além disso, que a gestão municipal seja transparente em todo processo de vacinação, divulgando amplamente as informações no portal da transparência e nas redes sociais oficiais e promova fiscalização para coibir os casos de “fura-filas”, entre outras providências. Em caso de descumprimento da medida judicial determinada, que seja fixada multa diária no valor de R$10 mil reais.

Nota

A Secretaria de Saúde informa que aguarda ainda o recebimento da nova remessa destinada para Marabá e já está pronta pra atender ao público preconizado pela SESPA, alterando apenas o número de doses e locais para vacinação para faixa etária a partir de 80 anos. A Secretaria ressalta, ainda, que a partir da chegada de mais doses, o público idoso será vacinado como prioridade. Os locais de vacinação estarão distribuídos nos 5 núcleos da cidade e zona rural e devem ser ativados assim que a SMS receber as doses destinadas pelo estado. (Fonte: MPPA com Redação do Portal Correio)

Comentários

Mais

Noemi Gerbelli, a diretora Olívia de 'Carrossel', morre aos 68 anos

Noemi Gerbelli, a diretora Olívia de 'Carrossel', morre aos 68 anos

Noemi Gerbelli, atriz que ficou conhecida, entre outros trabalhos, como a diretora Olívia da novela “Carrossel” (2012/2013), morreu aos 68…
Sarau na Câmara celebra múltiplas linguagens artísticas de Marabá

Sarau na Câmara celebra múltiplas linguagens artísticas de Marabá

Na noite desta terça-feira, dia 30 de novembro, a Escola do Legislativo de Marabá (Elmar) realizou o 6º Sarau Líteromusical,…
Pará registra 610.087 casos e 16.928 mortes por Covid-19

Pará registra 610.087 casos e 16.928 mortes por Covid-19

O Pará contabilizou mais 695 casos de Covid-19 e 16 mortes causadas pela doença. Segundo o boletim divulgado pela Secretaria…
Alec Baldwin diz que não puxou gatilho de arma que matou diretora de fotografia

Alec Baldwin diz que não puxou gatilho de arma que matou diretora de fotografia

O ator Alec Baldwin declarou em entrevista para TV que não puxou o gatilho da arma que matou a diretora de fotografia Halyna…
MEC publica edital para adesão das instituições ao Fies de 2022

MEC publica edital para adesão das instituições ao Fies de 2022

O Ministério da Educação (MEC) publicou nesta quarta-feira (1º) o edital com o cronograma e os procedimentos para participação das mantenedoras de…
HIV: Brasil tem 694 mil pessoas em terapia antirretroviral

HIV: Brasil tem 694 mil pessoas em terapia antirretroviral

No Brasil, 694 mil pessoas estão em tratamento contra o HIV. Apenas neste ano, 45 mil novos pacientes iniciaram a…