Correio de Carajás

Mídias piratas apreendidas e dois presos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Uma operação da Polícia Civil na cidade de Canaã dos Carajás resultou na prisão de duas pessoas e na apreensão de aproximadamente 2.200 mídias piratas em vários pontos da cidade. Um homem foi preso pela venda ilegal das mídias e o outro pelos crimes de tráfico de drogas e corrupção ativa.

A operação nasceu a partir de uma denúncia anônima sobre a venda de produtos piratas no lado externo do Mercado Municipal. Além das mais de 2.000 mídias, os policiais levaram preso Cleison Silva Oliveira, responsável pela venda de produtos ilegais.

No dia 17, a polícia prendeu Felipe Viana Cordeiro, acusado de vender drogas próximo ao terminal rodoviário de Canaã. A prisão aconteceu também a partir de outra denúncia anônima, confirmada pelos policiais, que fizeram campana no local até comprovar o crime. “Um grupo de policiais civis realizou campana no local e comprovou o ato ilícito de venda de drogas. Os suspeitos, ao serem abordados pelos agentes, fugiram do local”, detalhou o delegado Thiago Carneiro, que coordenou as operações.

Leia mais:

Segundo o delegado, o suspeito ainda conseguiu engolir parte da droga que portava no momento da abordagem, mas os agentes ainda conseguiram apreender duas petecas de crack. No momento da prisão, Felipe Viana teria oferecido R$ 2 mil reais aos policiais civis Roberto de Sousa Silva e Alexandre de Oliveira, com o objetivo de não ser preso. Mas isso só agravou a situação do acusado, que agora, além do crime de tráfico de drogas, vai responder também por corrupção ativa. (Tina Santos)

 

Uma operação da Polícia Civil na cidade de Canaã dos Carajás resultou na prisão de duas pessoas e na apreensão de aproximadamente 2.200 mídias piratas em vários pontos da cidade. Um homem foi preso pela venda ilegal das mídias e o outro pelos crimes de tráfico de drogas e corrupção ativa.

A operação nasceu a partir de uma denúncia anônima sobre a venda de produtos piratas no lado externo do Mercado Municipal. Além das mais de 2.000 mídias, os policiais levaram preso Cleison Silva Oliveira, responsável pela venda de produtos ilegais.

No dia 17, a polícia prendeu Felipe Viana Cordeiro, acusado de vender drogas próximo ao terminal rodoviário de Canaã. A prisão aconteceu também a partir de outra denúncia anônima, confirmada pelos policiais, que fizeram campana no local até comprovar o crime. “Um grupo de policiais civis realizou campana no local e comprovou o ato ilícito de venda de drogas. Os suspeitos, ao serem abordados pelos agentes, fugiram do local”, detalhou o delegado Thiago Carneiro, que coordenou as operações.

Segundo o delegado, o suspeito ainda conseguiu engolir parte da droga que portava no momento da abordagem, mas os agentes ainda conseguiram apreender duas petecas de crack. No momento da prisão, Felipe Viana teria oferecido R$ 2 mil reais aos policiais civis Roberto de Sousa Silva e Alexandre de Oliveira, com o objetivo de não ser preso. Mas isso só agravou a situação do acusado, que agora, além do crime de tráfico de drogas, vai responder também por corrupção ativa. (Tina Santos)

 

Comentários

Mais

Bando ataca carro forte que vinha para Marabá

Bando ataca carro forte que vinha para Marabá

Um carro forte da empresa Prosegur foi alvo de um bando de assaltantes na tarde desta quinta-feira, por volta de…
DECA é alvo de denúncia dos movimentos sociais

DECA é alvo de denúncia dos movimentos sociais

Documento assinado por 11 entidades que militam na área da luta pela terra e dos direitos humanos denunciam “despejos e…
Mulher é suspeita na morte de mototaxista

Mulher é suspeita na morte de mototaxista

A morte do mototaxista Josiel Mota da Silva gerou comoção e revolta na cidade de Anapu e resultou na destruição…
Furtos em veículos com tecnologia “Chapolin” voltam a acontecer em Marabá

Furtos em veículos com tecnologia “Chapolin” voltam a acontecer em Marabá

A Polícia Civil vem investigando crimes de furtos em veículos que estão sendo praticados com o uso de um mecanismo…
Jeep é abandonado com sangue e corpo é encontrado boiando no Itacaiunas

Jeep é abandonado com sangue e corpo é encontrado boiando no Itacaiunas

Dois fatos podem até não ter ligação, mas a Polícia Civil investiga ambos e tenta fazer uma conexão entre eles.…
Dupla é executada a tiros na frente de escola de Parauapebas

Dupla é executada a tiros na frente de escola de Parauapebas

Leonardo de Jesus Oliveira, de 23 anos, e Raimundo Nonato Peixoto, de 24 anos, foram executados a tiros na noite…