Correio de Carajás

Mecânico condenado a 48 anos por estuprar 3 sobrinhas é preso em Marabá

José Raimundo aproveitou-se da condição de tio das vítimas para praticar o crime / Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O mecânico José Raimundo dos Santos Silva, de 32 anos de idade, foi preso nesta segunda-feira (29) por estupro de vulnerável. Em 14 de maio de 2018, ele foi condenado a 48 anos de prisão. A sentença do juiz Marcelo Andrei Simão Santos dá conta de quatro crimes da mesma natureza, tendo sido praticado três vezes contra uma sobrinha de 10 anos e uma com outra de 9 anos. No documento ainda consta a denúncia de uma terceira sobrinha que também teria sido vítima, porém, não compareceu ao julgamento para depor.

O caso aconteceu em novembro de 2016, quando a menina de 10 anos foi até a casa de José Raimundo para pedir uma mesa de estudos emprestada, conforme a denúncia. O condenado impôs como condição, que a vítima o permitisse dar uma “lambida”. Assustada, a criança recusou, voltou para casa e relatou o caso para a mãe.

A outra sobrinha, de 9 anos, também relatou – durante o julgamento – situações asquerosas em que o tio também praticou abuso sexual, tocando seus seios e suas genitais. Entre os episódios, ela relatou um em que José a teria levado, junto com a terceira sobrinha, para a cama, em um quarto, e tocado suas partes íntimas.

Leia mais:

Questionada pela defesa de Raimundo, se aquilo não passava de um mero carinho, a criança negou, justificando que por isso saiu correndo do cômodo com a prima. Os pais das meninas confirmaram as histórias no julgamento, tendo escutado das próprias filhas os relatos.

Após ouvir os depoimentos chocantes das vítimas e dos pais, o juiz entendeu que o criminoso havia praticado os atos asquerosos apenas para se satisfazer, aproveitando-se da condição de tio. Além disso, ele considera os depoimentos em sua totalidade, “principalmente levando em conta a tenra idade destas, fator que presume maior inocência e inabilidade na criação de fantasias tão ricas em detalhes e de tal natureza”, completa na sentença.

O magistrado aplicou a pena e emitiu o mandado de prisão preventiva, que foi cumprido pelos agentes da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), após intenso trabalho investigativo e inúmeras diligências. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Motoqueiro bêbado provoca acidente na Folha 29

Motoqueiro bêbado provoca acidente na Folha 29

Após atravessar o canteiro central e tentar alcançar a pista, o condutor de uma motocicleta, Elias Alves de Almeida, de…
Motociclista morre ao bater moto em carro estacionado

Motociclista morre ao bater moto em carro estacionado

Uma fatalidade ceifou a vida do trabalhador rural Jorcelino Alves de Araújo, de 51 anos de idade, morador do município…
Adolescente é apreendido por matar desafeto no Bairro da Paz

Adolescente é apreendido por matar desafeto no Bairro da Paz

Entre os crimes registrados em Marabá está semana está o assassinato de Gabriel da Silva Ribeiro, de 24 anos. Ele…
Polícia faz caçada a um dos suspeitos de envolvimento na chacina de Parauapebas

Polícia faz caçada a um dos suspeitos de envolvimento na chacina de Parauapebas

Parauapebas presenciou, na última quarta-feira (15), uma cena de terror: cinco corpos foram encontrados Às proximidades do bairro Vila Nova,…
Moradores encontram corpo próximo à Folha 8

Moradores encontram corpo próximo à Folha 8

Moradores da Folha 8, Núcleo Nova Marabá, encontraram próximo ao Rio Tocantins um corpo, do sexo masculino, já em estado…
Colisão entre duas motos deixa um em estado grave

Colisão entre duas motos deixa um em estado grave

Após atravessar o canteiro central e tentar alcançar a pista, o condutor de uma motocicleta, de prenome Elias, se chocou…