Correio de Carajás

Mãe acusa Lacraia de estuprar criança; Exame dá negativo para conjunção carnal

A figura é bastante popular em Marabá e vista com frequência na Orla / Foto: Redes Sociais
A figura é bastante popular em Marabá e vista com frequência na Orla / Foto: Redes Sociais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Uma acusação ainda cheia de pontas soltas acabou levando Frankimar Fernandes da Silva Dias, bastante conhecido em Marabá como Lacraia, para a 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil na noite desta segunda-feira (1º). Uma vizinha de Frankimar o acusa de ter estuprado a filha dela, de 7 anos. A menina foi submetida a exame sexológico forense, realizado pelo Instituto Médico Legal (IML), que verificou não ter havido conjunção carnal, motivo pelo qual Lacraia foi posta em liberdade.

Entretanto, segundo o diretor da unidade policial, delegado Vinicius Cardoso, o resultado negativo para a conjunção carnal não exclui totalmente a possibilidade de crime ter sido cometido. “O laudo não descarta a ocorrência de atos libidinosos diversos”, informou, em entrevista ao Portal Correio.

Ainda de acordo com ele, a mãe alega ter notado comportamento estranho e arredio da criança, decidindo questioná-la. Para seu espanto, a menina relatou ter sofrido o abuso, apontando Lacraia como autor.

Leia mais:

A Polícia Militar foi acionada e encaminhou a vítima, a mãe e o suspeito para a delegacia. De lá, a menina foi encaminhada para a Delegacia Especializada no Atendimento da Criança e Adolecente (DEACA), onde passará por avaliação psicológica e atendimento com assistente social, entre outros profissionais da rede de proteção.

Lacraia, por sua vez, prestou depoimento à Polícia Civil e negou ter praticado o abuso, porém, o delegado Vinícius considera prematuro emitir qualquer conclusão. “O suspeito responderá em liberdade e o caso segue em investigação. Aguardaremos o relato da psicóloga da DEACA e dos demais profissionais da rede de proteção”, explicou o delegado.

“VISÃO”

O relato divulgado pela guarnição da Polícia Militar que atendeu à ocorrência aponta mais uma informação não comentada pela Polícia Civil. Segundo os militares, a mãe contou para eles que um “irmão da igreja” havia feito uma oração na casa da família e ele teria “sentido” que a criança havia passado por uma situação ruim.

Ainda conforme essa versão, neste momento a criança teria começado a chorar e foi questionada pela mãe sobre o que teria acontecido. Segundo a PM, a denunciante alega que após isso a menina afirmou que havia sido estuprada por Frankimar, detalhando que ele teria a levado para os fundos de uma casa e consumado o crime. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Mãe de homem espancado até a morte cobra justiça

Mãe de homem espancado até a morte cobra justiça

Em entrevista exclusiva ao Portal Correio de Carajás, Joana Fernandes dos Santos acusou uma mulher com quem o filho, José…
Corpos de vítimas de afogamento são encontrados no sul do Pará

Corpos de vítimas de afogamento são encontrados no sul do Pará

Os corpos de dois jovens vítimas de afogamento, ambos de 20 anos, que haviam desaparecido no último final de semana…
Quatro pessoas são presas por embriaguez ao volante no final de semana

Quatro pessoas são presas por embriaguez ao volante no final de semana

A Polícia Civil registrou este final de semana quatro prisões após flagrantes de embriaguez ao volante, em Marabá. Na noite…
Após briga por drogas, homem mata amigo enforcado

Após briga por drogas, homem mata amigo enforcado

Cristiano Viana da Costa, 28 anos, foi preso em flagrante na manhã de sábado (12) em Marabá, após confessar que…
Pecuarista é executado em tocaia na porteira da fazenda

Pecuarista é executado em tocaia na porteira da fazenda

A Polícia Civil investiga como crime de execução a morte do pecuarista Marcos Dias Nogueira, conhecido como Marcão do Boi,…
Papagaio entoa um “socorro, ladrão“ e suspeito é preso

Papagaio entoa um “socorro, ladrão“ e suspeito é preso

Um caso inusitado foi registrado na região nordeste do Pará na manhã deste sábado (12). Um papagaio gritou pega ladrão,…