Correio de Carajás

Lázaro foi encontrado com R$ 4,4 mil no bolso; investigadores suspeitam de atuação como jagunço

Foto: Polícia Civil
Foto: Polícia Civil
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O secretário afirmou que Lázaro foi socorrido com vida e levado ao Hospital Bom Jesus, mas teria morrido no trajeto

O secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, disse que Lázaro Barbosa “descarregou a pistola” contra os policiais: “Não tivemos outra alternativa a não ser revidar”. Lázaro Barbosa foi morto nesta segunda-feira, 28, em uma ação policial em Águas Lindas de Goiás (GO) após 20 dias de buscas.

Ele é suspeito de crimes no Distrito Federal e em Goiás. O secretário afirmou que Lázaro foi socorrido com vida e levado ao Hospital Bom Jesus, mas teria morrido no trajeto. Miranda afirmou ainda que Lázaro foi encontrado com R$ 4.400 no bolso, o que reforça a ideia de que ele estaria recebendo alguma ajuda. “Há informação de que ele atuava como jagunço e segurança de algumas pessoas“, completou. As informações são do UOL.

Jagunço é um termo usado para designar um criminoso contratado como segurança ou guarda-costas de uma pessoa influente e poderosa. Trata-se de uma espécie de capanga.

Leia mais:

“Ontem à noite nós descobrimos que ele tinha procurado parentes na periferia de Águas Lindas de Goiás. Temos filmagens. Ele estava armado. Ele foi para o mato, fizemos o cerco. Ele tentou fugir e confrontou com a equipe do major Edson”, disse Miranda em entrevista a jornalistas. Segundo ele, nenhum policial ficou ferido na ação.

“As investigações não acabam aqui. Ainda temos algumas pessoas para investigar e prender, mas o empresário e o psicopata, esses já foram”, afirmou. As buscas por Lázaro começaram no dia 9 de junho, após o crime em Ceilândia (DF). Ele fugiu se escondendo na mata e passou por várias fazendas na cidade de Cocalzinho de Goiás (GO). Durante as buscas, o fugitivo trocou tiros com policiais, fez três pessoas reféns e baleou outras quatro, entre elas, um policial militar.

Nas redes sociais, Miranda comemorou a captura de suspeito da chacina: “Começo o dia com a notícia: Lázaro Barbosa foi capturado. Nosso maior compromisso é com a segurança da população de bem. Meus agradecimentos a todos os policiais que participaram dessa força-tarefa com tanta garra e determinação. A tranquilidade volta a ser realidade em Girassol”. (O Povo)

 

Comentários

Mais

Adolescente colide com 4 carros estacionados no HMM

Adolescente colide com 4 carros estacionados no HMM

Vídeos e fotos viralizaram pelas redes sociais mostrando o estrago que uma adolescente causou em pelo menos quatro veículos que…
Morte por esfaqueamento é registrada na Folha 07

Morte por esfaqueamento é registrada na Folha 07

Um homem, ainda não identificado, foi morto por golpes de faca na Quadra 2 da Folha 7, em Marabá, às…
“Bigode” é acusado de esfaquear jovem na Vila Jardim

“Bigode” é acusado de esfaquear jovem na Vila Jardim

Um homem, identificado como Lourival De Jesus Sá, mais conhecido como “Bigode”, é acusado de esfaquear um jovem em um…
Mancipor denuncia que foi ameaçado de morte

Mancipor denuncia que foi ameaçado de morte

A transferência de 63 famílias que ocupam uma área chamada de cone de proteção aeroportuária, no Bairro da Infraero, em…
Mais um acidente grave na Rodovia BR-222

Mais um acidente grave na Rodovia BR-222

Na manhã desta sexta-feira (23), mais um grave acidente se registrou na BR-222, entre os bairros Residencial Tiradentes (São Félix)…
Acusada de execuções em Timon é presa em Marabá

Acusada de execuções em Timon é presa em Marabá

Foi presa esta semana em Marabá uma mulher envolvida no assassinato de duas adolescentes no município de Timon (MA). O…