Ads

Moradora do Residencial Tiradentes, Kellen Aires‎ faz a seguinte queixa sobre os ônibus coletivos em Marabá: “Lata de sardinha saindo de Morada Nova sentido terminal. Só faltou colocar passageiros nos pneus. Gente gritando pedindo para o motorista não colocar mais pessoas, crianças chorando com calor. Um absurdo”. A senhora Das Neves Sousa, complementa: “Essa lata de sardinha é todos os dias principalmente nos horários de pico. Isso é um absurdo, e o pior: vem de longos anos e a população só aumenta. Entra prefeito sai prefeito e nada munda”.

Ads