Correio de Carajás

Homicídios diminuem em outubro em Marabá e região, mas novembro…

Mês passado, a Civil cumpriu 23 mandados de prisão e efetuou 25 prisões em flagrante/Fotos: Evangelista Rocha
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Se o mês de novembro começou conturbado em Marabá, com a ocorrência de sete homicídios, o mês passado foi diferente: em outubro, somente cinco assassinatos foram registrados. Além disso, os roubos também diminuíram, não apenas em Marabá, mas nesta região. Os números foram apresentados esta semana pela Superintendência Regional de Polícia Civil.

De acordo com o delegado Thiago Carneiro Rodrigues, superintendente regional em Marabá, a Polícia Civil realizou 12 operações policiais, cumpriu nada menos de 23 mandados de prisão, efetuou 25 prisões em flagrante, além de ter apreendido sete armas.

Delegado Thiago Carneiro apresentou os números à Imprensa

Na avaliação do policial, todas essas ações da Civil e também o trabalho integrado que vem sendo feita pelos órgãos de segurança instalados na região contribuíram para uma redução significativa nos principais crimes combatidos pelas forças de segurança: homicídio e roubo.

Leia mais:

“Isso é fruto de um trabalho entre os órgãos de segurança pública e também a Polícia Civil atuando de forma repressiva no combate à criminalidade aqui em nossa região”, reafirma o delegado Thiago Carneiro.

No tocante aos roubos, a redução nos municípios que integram a 10ª Regional Integrada de Segurança Pública (RISP) foi de 19% se comparado a outubro de 2019. E em Marabá, a redução foi maior ainda: 36% (quase o dobro da região) no mesmo período.

Em relação aos casos de homicídio, que neste mês de novembro voltaram a recrudescer, a diminuição nas ocorrências foi de 25%, na região, em comparação a outubro do ano passado. Somente em Marabá a redução nos casos de assassinatos foi quase o triplo: 70%, também levando em considerações os outubros de 2019 e 2020. O delegado classificou essa baixa de “espetacular”. (Chagas Filho com informações de Evangelista Rocha)


Homicídios tiveram queda acentuada na comparação com outubro de 2019
Comentários

Mais

Equatorial Pará acompanha operação da Polícia Civil no combate ao furto de energia

Equatorial Pará acompanha operação da Polícia Civil no combate ao furto de energia

A Equatorial Energia Pará, distribuidora de energia do Estado, ofereceu apoio às equipes da Polícia Civil, que estão atuando durante…
Populares capturam ladrão de moto no Betânia

Populares capturam ladrão de moto no Betânia

Um furto na Rua Matusalém, no bairro Betânia, em Parauapebas, deu errado para o autor, Eldione da Silva Farias, que…
Traficante da bike é preso no Bairro da Paz

Traficante da bike é preso no Bairro da Paz

A Polícia Militar realizou a prisão de Leonardo de Jesus Carvalho, de 22 anos, que estava traficando maconha em uma…
Valentão agride mulher, mas se esconde nos fundos da casa quando a polícia chega

Valentão agride mulher, mas se esconde nos fundos da casa quando a polícia chega

No dia de ontem, quarta-feira (24), a Polícia Militar atendeu a uma ocorrência de violência doméstica, que ocorreu na Rua…
Dupla de assaltantes é presa no Bairro Liberdade, em Marabá

Dupla de assaltantes é presa no Bairro Liberdade, em Marabá

Na noite desta quarta-feira (24), a Polícia Militar fazia rondas nas proximidades da Rua Orlando Solino, no Bairro Liberdade, Núcleo…
João de Deus é condenado a mais 44 anos de prisão por estupro

João de Deus é condenado a mais 44 anos de prisão por estupro

João de Deus foi condenado a 44 anos de prisão por estupro contra duas mulheres e estupro de vulnerável contra outras…