Correio de Carajás

Homem negro acusado de assassinato é inocentado após 40 anos na prisão

Kevin Strickland é inocentado após mais de 40 anos de prisão-Divulgação/GoFundMe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Kevin Strickland foi condenado injustamente: "Não estou necessariamente zangado", disse ele ao sair da prisão

Kevin Strickland, de 62 anos, foi solto nessa terça feira (23/11) após passar mais de 40 anos preso, ao ser condenado injustamente por triplo homicídio em 1979, em Kansas City, nos EUA.

“Não estou necessariamente zangado. Isso é muito. Eu acho que criei emoções que vocês ainda desconhecem”, ele contou a repórteres quando deixou a prisão estadual do Departamento de Correções do Missouri. “Alegria, tristeza, pesar, medo. Estou tentando descobrir como colocar todas essas emoções juntas”, disse.

Após sofrer a injustiça, ele diz que gostaria de “se envolver em esforços para que isso não ocorra com outras pessoas”. E afirma que o sistema judiciário “precisa ser demolido e refeito”.

Leia mais:

Os assassinatos aconteceram quando Kevin tinha apenas 18 anos. Ele sempre afirmou ser inocente e que estava em casa assistindo à televisão na hora das mortes. Mesmo assim, foi condenado pelas mortes de Larry Ingram, 21; John Walker, 20; e Sherrie Black, 22, em uma casa em Kansas City.

L.R. Strickland (na esquerda) e Kevin Strickland (direita)
L.R. Strickland (na esquerda) e Kevin Strickland (direita)Divulgação/GoFundMe

A reabertura do caso foi conduzida pelo juiz James Welsh e solicitada por um promotor do condado de Jackson, que afirmou que as evidências usadas para condenar Strickland haviam sido refutadas. Após maior observação, ficou claro que nenhuma evidência física ligava-o à cena do crime e que uma testemunha essencial para sua condenação se retratou antes de sua morte.

“Dizer que estamos extremamente satisfeitos e gratos é um eufemismo” disse Jean Peters Baker, o promotor que pediu a reabertura do processo. “Isso, finalmente, traz justiça para um homem que tragicamente sofreu tão tão grandemente como resultado dessa condenação injusta”, afirmou o promotor.

(Fonte: Metropoles)

Comentários

Mais

Vítima recebe ligação informando onde está sua moto roubada

Vítima recebe ligação informando onde está sua moto roubada

Um caso curioso teve início no último domingo (5), com um assalto a mão armada contra Marcilene Siqueira do Santos,…
Acusado de matar ex-namorada é condenado a 23 anos de prisão

Acusado de matar ex-namorada é condenado a 23 anos de prisão

Cassiano Araújo Silva, de 32 anos, acusado do assassinato da ex-namorada, a adolescente Kesia Alves Bezerra, de 17 anos, recebeu…
Carreta tomba na PA-287, motorista morre e populares saqueiam carga

Carreta tomba na PA-287, motorista morre e populares saqueiam carga

Uma carreta com carregamento de hortifrúti tombou na Rodovia PA-287, entre Redenção e Conceição do Araguaia, sul do Pará. O…
Idoso é sequestrado em São João e libertado em Marabá 8 horas depois

Idoso é sequestrado em São João e libertado em Marabá 8 horas depois

Raimundo Nonato Cruz, de 66 anos, foi sequestrado por volta das 13 horas desta terça-feira (7). O idoso estava em…
Assassinado na VS-10 é identificado

Assassinado na VS-10 é identificado

Foi identificado o homem morto nesta segunda-feira (6) na divisa entre os bairros São Lucas II e Morada Nova, no…
Homem é preso por agressão à companheira

Homem é preso por agressão à companheira

Na noite desta segunda-feira (6), a Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de violência doméstica registrada no Vale…