Correio de Carajás

Homem é estrangulado por parceiros de ‘birita’

Delegado Vinicius Cardoso: “A adolescente foi flagrada consumindo a cachaça que foi entregue pelos homens”/Foto: Evangelista Rocha
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Polícia Civil abriu inquérito para apurar mais um assassinato ocorrido em Marabá. O caso se registrou na noite da última quinta-feira (16), tendo como vítima Wagner Meireles Andrade, de 37 anos. Ele bebia em companhia de dois elementos em uma ponta de rua no bairro Liberdade, Núcleo Cidade Nova. Segundo a polícia, foram os parceiros de bebida de Wagner que o mataram.

Wagner foi morto por parceiros de birita que usaram uma corda para estrangula-lo

Ainda de acordo com informações da polícia, os criminosos apertaram o pescoço da vítima usando uma corda para isso. Vagner morreu por estrangulamento, conforme ficou constatado pela necropsia realizada no Instituto Médico Legal (IML) de Marabá.

Na manhã de ontem (17), o delegado Vinícius Cardoso das Neves, diretor da 21ª Seccional Urbana, falou sobre o caso com a Imprensa. O delegado explicou que Wagner e os dois indivíduos com quem ele bebia tiveram uma discussão durante a bebedeira por motivos que ainda estão sendo apurados. A discussão passou para as vias de fato e os dois acusados usaram uma corda para tirar a vida da vítima, que morreu ainda no local.

Leia mais:

“A Divisão de Homicídios esteve prontamente no local levantando as primeiras informações, peritos também fizeram o local de crime, colhendo dados preliminares e a investigação está em curso; nós temos um prazo de 30 dias para apresentar o resultado da investigação sobre este homicídio”, explicou o delegado.

O corpo da vítima deu entrada no IML de Marabá na manhã de ontem e foi removido à tarde por um parente dele. Mas até ontem não havia informação de nenhum suspeito identificado ou mesmo preso. Wagner era natural da cidade de Pio XII, no Maranhão. (Chagas Filho)

SAIBA MAIS

Wagner Meireles Andrade é a sexta vítima de homicídio em Marabá nos primeiros 18 dias deste mês de maio. Ou seja, até aqui, em média, a cada três dias alguém é assassinado nas ruas de Marabá.

Comentários

Mais

Polícia Federal apreende quase 1 ton. de cocaína

Polícia Federal apreende quase 1 ton. de cocaína

Na tarde de quinta-feira (29), a Polícia Federal de Altamira formalizou a apreensão de 871,3 kg de cocaína, apreendida pela…
Homem é morto a facadas na Estação Rodoviária

Homem é morto a facadas na Estação Rodoviária

O corpo de um homem foi encontrado nesta sexta-feira (30), com diversas perfurações de arma branca na Estação Rodoviária de…
Rambo, o “cão da Guarda”, encontra droga durante prisão por furto

Rambo, o “cão da Guarda”, encontra droga durante prisão por furto

Com ajuda de Rambo, do Canil da Guarda Municipal de Parauapebas, foi realizada a prisão de Itano Ugo Ferreira, de…
Idoso sofre acidente de moto na PA-160

Idoso sofre acidente de moto na PA-160

Um acidente na PA-160, sentido Palmares-Canaã, próximo ao Bairro Casas Populares I, em Parauapebas, foi registrado nesta sexta-feira (30). Francisco…
Criança de 3 anos morre após ser atingida por porteira

Criança de 3 anos morre após ser atingida por porteira

Uma criança de três anos de idade morreu após ser atingida por uma porteira de madeira, também conhecida como cancela.…
Polícia Civil destrói 3 mil pés de maconha em Novo Repartimento

Polícia Civil destrói 3 mil pés de maconha em Novo Repartimento

Três pessoas foram presas em flagrante pela Polícia Civil de Novo Repartimento, suspeitas de cultivar uma plantação de maconha com…