Correio de Carajás

Homem é esfaqueado e companheira é acusada pela família

Foto: Ronaldo Modesto
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O corpo de Joelyton Muniz Mendes, de 28 anos, foi encontrado caído na sala de casa, pelo irmão, na manhã desta terça-feira (29), cercado por latas de cerveja e ao lado da faca utilizada para tirar a vida da vítima. O caso foi registrado na Rua Salmen, no Bairro Maranhão, em Parauapebas.

O irmão, que pediu para não ter o nome divulgado, afirma ter certeza de que Joelyton foi esfaqueado pela companheira, Carolaine Sampaio, com quem possuía um filho de dois anos. A confiança na afirmação vem de ameaças frequentes que a mulher fazia e também da forma como ela agiu nesta manhã.

Segundo o irmão, logo cedo a mãe o telefonou perguntando se ele tinha notícias de Joelyton. A preocupação surgiu após Carolaine ligar para uma irmã dela perguntando o que havia acontecido ao longo da madrugada.

Leia mais:

“Acho que estavam os dois bebendo, eu tenho certeza que foi ela. Eles tinham separado, mas ela voltou há três semanas. Ele estava até namorando outra mulher, mas agora tinha voltado com essa. Hoje ela ligou para a irmã dela perguntando o que tinha acontecido na madrugada e a irmã dela ligou para a minha cunhada, nem ela sabia que ela tinha matado… minha mãe me ligou agora cedo perguntando se eu sabia de algo”, relatou.

Joelyton Muniz Mendes foi encontrado morto na sala de casa

Conforme ele, após falar com a mãe, tentou telefonar para vizinhos do irmão em busca de notícias. Sem conseguir falar com ninguém decidiu ir até a casa. “Pulei a janela, entrei e vi ele lá no chão”. Ele relata que a mulher passou a ameaçar a vítima quando os dois terminaram. “Desde quando eles separaram que estão nessa tensão, ela sempre ameaçou ele. Do nada eles voltaram”, diz.

Um vizinho da vítima, que também pediu para não ter o nome divulgado, informou ao Correio de Carajás que ouviu uma briga na rua entre 2h15 e 2h30. “Eu tava deitado em casa, umas 2 horas, acordei e o ar condicionado tava desligado. Escutei o som aqui fora, liguei de novo (o ar condicionado) e voltei pra cama. Quando deu umas 2h15 aconteceu uma briga aqui embaixo e uns 15 minutos depois tudo calou. Eu fui dormir e agora de manhã o homem está morto com uma facada no peito”, afirma.

Ele também informou que o vizinho havia se separado da companheira e namorado outra mulher, mas recentemente a ex retornou para a casa. “Ela dele voltou tem uns 15 dias”, comentou.

Carolaine não foi encontrada no local do crime e até o momento não foi localizada pela Polícia Civil, que vai instaurar inquérito para investigar o caso. A instituição ainda não se manifestou sobre o assunto.

A equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves esteve no local realizando a perícia e removendo o corpo para o Instituto Médico Legal (IML), onde será realizada a necropsia. (Luciana Marschall – com informações de Ronaldo Modesto)

Comentários

Mais

Foragido há 10 anos é capturado em Parauapebas

Foragido há 10 anos é capturado em Parauapebas

Na noite desta quarta-feira (4), a Polícia Militar de Parauapebas fazia rondas pelo Bairro Vale do Sol ao avistar Bráulio…
Mulher é estuprada em via pública em Marabá

Mulher é estuprada em via pública em Marabá

Uma mulher foi estuprada na madrugada desta quinta-feira (5) no Bairro Jardim Vitória, Núcleo Cidade Nova, em Marabá. A Polícia…
Dupla é presa em Parauapebas por desmanche de motos roubadas

Dupla é presa em Parauapebas por desmanche de motos roubadas

Por volta das 14 horas desta última quarta-feira, dia 4, a Policia Militar de Parauapebas, por meio de uma denúncia…
Traficante da Vila do Rato diz ser só usuário após ser preso por polícias

Traficante da Vila do Rato diz ser só usuário após ser preso por polícias

Na madrugada desta quinta-feira, dia 5, por volta de 2 horas, uma viatura da Polícia Militar, que fazia ronda às…
Drogômetros começam a ser testados em rodovias

Drogômetros começam a ser testados em rodovias

Os testes iniciais para a pesquisa que vai definir os requisitos técnico-científicos para homologação dos “drogômetros” no Brasil começaram esta…
Sem-terra denunciam ameaças de madeireiros

Sem-terra denunciam ameaças de madeireiros

Uma área na zona rural do município de Moju, próximo das margens da PA-150, pertencente à Embrapa, mas que não…