Correio de Carajás

Homem é assassinado a tiros na praça da Folha 33

Gustavo Daniel foi criado na Folha 32, onde era muito conhecido
Gustavo Daniel foi criado na Folha 32, onde era muito conhecido
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Na noite desta segunda-feira (11), após alguns dias de calmaria, as ruas de Marabá voltam a ser manchadas de sangue. A vítima foi identificada como Gustavo Daniel dos Santos, de 25 anos. A cena de violência foi registrada nas proximidades da Praça da Folha 33 (Nova Marabá), perto de onde ocorreu um tiroteio na noite do último dia 5.

Naquela ocasião, ninguém morreu, mas desta vez foi diferente: Gustavo morreu ali mesmo no local, sem chance de defesa e ficou exposto à curiosidade pública, para desespero dos familiares, inclusive de sua mãe, Euzi Oliveira dos Santos, conhecida como “Loira”.

No local do crime, a reportagem do CORREIO conversou com o subtenente Carvalho, oficial de dia da Polícia Militar, que chegou à cena do crime com sua equipe após avisado por populares.

Leia mais:
Vítima foi executada a tiros na praça da Folha 33 por volta das 20 horas

Segundo o tenente, a mãe da vítima informou à polícia que o autor dos disparos seria um homem que já tinha rixa com Gustavo Daniel e, inclusive, já tinha ameaçado ele por causa do envolvimento amoroso de Gustavo com a filha do tal homem.

Mas, por outro lado, populares comentaram que os autores do assassinato teriam sido dois homens jovens que chegaram a pé e, depois de meter bala em Gustavo, fugiram pelas ruas escuras do bairro.

Após o assassinato, além da viatura do oficial de dia, policiais que atuam nas motocicletas, os famosos “Mikes”, chegaram também rapidamente ao local e junto com eles militares lotados na 1ª Companhia Independente de Missões Especiais (CIME). Mas mesmo diante de rondas feitas pelas ruas do bairro nenhum suspeito havia sido preso até por volta das 23h de ontem. (Chagas Filho e Josseli Carvalho)

SAIBA MAIS

A reportagem apurou que alguns dias atrás Gustavo Daniel havia sofrido outro atentado lá na mesmo na Folha 33, nas proximidades do Centro Regional Integrado de Referência à Saúde da Mulher (CRISMU).

Comentários

Mais

Possível suicídio em delegacia de Rondon é investigado

Possível suicídio em delegacia de Rondon é investigado

Entrou em investigação um possível suicídio acontecido dentro da Delegacia de Polícia Civil de Rondon do Pará na manhã deste…
Traficante usava filha na comercialização da droga

Traficante usava filha na comercialização da droga

Foi preso neste sábado (19) Elenildo Escardoa da Silva, acusado de tráfico de drogas e corrupção de menor, no bairro…
Marabá: Federal realiza flagrante de droga apreendido pela PRF

Marabá: Federal realiza flagrante de droga apreendido pela PRF

A Delegacia da Polícia Federal de Marabá/PA recebeu uma ocorrência policial apresentada pela PRF, tratando-se de um transporte de drogas…
Mulher sofre injúria racial e ameaça de morte

Mulher sofre injúria racial e ameaça de morte

Foi apresentado às autoridades de polícia: Cleiton Sousa dos Santos, de 34 anos, no bairro Tropical II, em Parauapebas. O…
Pai perde filho em acidente de moto

Pai perde filho em acidente de moto

Nesta sexta-feira (18) um acidente envolvendo uma moto e um carro com caçamba vitimou Jardson Carvalho Santos, de 18 anos,…
Divisão de Homicídios faz investigação em Altamira

Divisão de Homicídios faz investigação em Altamira

A conclusão do trabalho de perícia no cadáver de um homem encontrado enforcado com ferimentos nos pulsos e na região…