Correio de Carajás

História da Transamazônica estreia em série da HBO

Série sobre histórias da Transamazônica é dirigida por Jorge Bodanzky e Fabiano Maciel (Foto: HBO / divulgação)
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Projeto que é fruto de um tempo muito marcado do passado da história brasileira, a rodovia Transamazônica reverbera ainda hoje em termos concretos e simbólicos no País. Um olhar que costura os tempos que rondam a estrada é o que propõe a nova série “Transamazônica – Uma Estrada Para o Passado”, que estreou na última quinta, 11, às 21 horas, no HBO Mundi.

A produção empreende ao longo de seis episódios um percurso entre o início e o fim da estrada, passando por estados do Nordeste e do Norte e mostrando os impactos econômicos, sociais e políticos da grande obra nos municípios que ela corta. Idealizada durante o governo do general Médici, no final dos anos 1960, e inaugurada em 1972, a rodovia unia objetivos diferentes da ditadura militar, como a ideia de integração nacional.

A série desponta pela da presença de Jorge Bodanzky na produção. O célebre cineasta brasileiro dirigiu com Orlando Senna em 1976 o filme “Iracema – Uma Transa Amazônica”, mistura de ficção e documentário que criticava a recém-inaugurada rodovia.

Leia mais:

Um dos pontos ressaltados pelo cineasta é que, na época da construção da estrada, os impactos negativos daquele processo, como a devastação ambiental, não eram conhecidos da opinião pública pois “não havia imagens” das condições. As imagens que a ditadura militar produzia e divulgava eram somente positivas

Reside, aí, uma reflexão sobre a importância do audiovisual, tanto na propaganda política que os militares faziam, quanto na denúncia e crítica feita em “Iracema – Uma Transa Amazônica”. Não por acaso, a obra foi censurada no Brasil, só conseguindo estrear em 1981.

A introdução da série é feita por Jorge, que cria paralelos entre a experiência da produção do filme e a nova empreitada na Transamazônica. A revisita à rodovia mostra, inclusive, que muitos problemas e questões da época seguem até hoje.

A rodovia também cruza o Ceará e, no desenvolvimento inicial de “Transamazônica – Uma Estrada Para o Passado”, são destacados os municípios de Farias Brito e Campos Sales. Além deles, a estrada também passa por Ipaumirim, Lavras da Mangabeira, Várzea Alegre, Assaré e Antonina do Norte.

No “percurso cearense”, a série apresenta a relação da Transamazônica com a religiosidade, a situação dos chamados “soldados da borracha” – nordestinos que foram enviados pelo governo militar ao Norte do País para extraírem o material para ajudar os EUA na Segunda Guerra Mundial – e a ação dos mototaxistas dos municípios do Interior. (opovo.com.br)

Comentários
Ximbinha lança música “Nova Redenção” nesta quinta-feira

Ximbinha lança música “Nova Redenção” nesta quinta-feira

Cumprindo o isolamento social durante a pandemia da Covid-19, o guitarrista paraense Ximbinha está aproveitando esse tempo para produzir novas…
Festival In-Edit começa amanhã e terá 50 documentários musicais

Festival In-Edit começa amanhã e terá 50 documentários musicais

Memórias, histórias e trajetórias de grandes nomes da música mundial, exploradas pelo cinema documental, estão novamente em foco na 13ª…
Mestres do Universo | Trailer da nova série tem He-Man, nostalgia e ação; veja

Mestres do Universo | Trailer da nova série tem He-Man, nostalgia e ação; veja

Mestres do Universo: Salvando Eternia, a nova série animada dedicada ao bravo guerreiro-príncipe He-Man produzida pela Netflix, ganhou seu primeiro trailer.…
William Bonner diz que fará anúncio no Jornal Nacional e web questiona aposentadoria

William Bonner diz que fará anúncio no Jornal Nacional e web questiona aposentadoria

O apresentador William Bonner contou em publicação nas redes sociais que o Jornal Nacional desta quinta-feira (10) terá um anúncio especial. Com…
Indiana Jones 5: filme pode trazer um jovem Indy

Indiana Jones 5: filme pode trazer um jovem Indy

Esta semana conferimos as primeiras fotos das filmagens de Indiana Jones 5, a produção está a todo vapor no Reino…
'Quero que as pessoas se sintam orgulhosas de serem quem são', diz Iza

'Quero que as pessoas se sintam orgulhosas de serem quem são', diz Iza

“Fecha a rua lá no gueto, vai ter samba lá no gueto, joga bola lá no gueto, ela é cria…