Correio de Carajás

Governo Bolsonaro gastou milhões com picanha e cerveja (Heineken) para militares, diz deputado

Reprodução Twitter
Reprodução Twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Nem só de leite condensado vivem os militares. O deputado federal Elias Vaz (PSB-GO), denunciou em suas redes sociais que órgãos ligados ao governo de Bolsonaro fizeram compras milionárias com picanha e cerveja para abastecer as Forças Armadas.

O parlamentar anunciou que entrará com um pedido junto ao Ministério Público Federal (MPF) para denunciar uma “farra” com compras, por exemplo, de 80 mil cervejas e 714 mil quilos de picanha – além de 1,3 milhão de quilos de carvão.

“Presidente Bolsonaro cortou o auxílio emergencial dizendo que iria quebrar o país e gasta milhões com uma farra dessas. E aliás, vários produtos superfaturados”, diz o deputado em vídeo em suas redes sociais.

Leia mais:

Segundo Vaz, os dados foram levantados junto ao painel de preços do Ministério da Economia e estão sendo detalhados por sua assessoria para o envio do pedido de investigação ao MPF.

“Estão fazendo uma verdadeira farra com seu dinheiro, gastando milhões – milhões – com cerveja, picanha e carvão. Esse gasto está sendo feito em alguns órgãos do governo federal, governo Bolsonaro”, diz.

No vídeo, o deputado denuncia ainda que as compras de cervejas são direcionadas por marcas, como Heinecken, Stella Artois e Skol Beats.

“Tem algumas situações inclusive absurdas. Tem processo licitatório que discriminava que tinha que ser cerveja Heineken. É! Isso mesmo! Tem situações que era Skol Beats, cerveja Stella”, diz o deputado.(Fórum/Diário Online)

 Assista:

Comentários

Mais

Publicado decreto que aumenta IOF para custear Auxílio Brasil

Publicado decreto que aumenta IOF para custear Auxílio Brasil

O Diário Oficial da União (DOU) publicou hoje (17) um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro com as novas alíquotas do Imposto sobre Operações…
Ministro aponta erros de estados e diz que limitou vacinação de adolescentes por cautela

Ministro aponta erros de estados e diz que limitou vacinação de adolescentes por cautela

O ministro Marcelo Queiroga disse nesta quinta-feira (16) que a decisão de restringir a vacinação de adolescentes apenas aos grupos prioritários (deficiência…
Ministério estuda aproveitar créditos de cursos profissionalizantes

Ministério estuda aproveitar créditos de cursos profissionalizantes

O Ministério da Educação estuda permitir que estudantes formados em cursos técnico-profissionalizantes aproveitem os créditos acadêmicos caso decidam continuar os…
Ministério mantém previsão de crescimento da economia em 5,3% este ano

Ministério mantém previsão de crescimento da economia em 5,3% este ano

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia manteve a projeção para o crescimento da economia este ano…
Caçula põe irmão mais velho em enrascada

Caçula põe irmão mais velho em enrascada

Um curioso caso de receptação (adquirir mercadoria proveniente de roubo ou furto) foi registrado na Vila Carimã, zona rural de…
Transporte público volta a ser criticado na Câmara de Marabá

Transporte público volta a ser criticado na Câmara de Marabá

Serviço que afeta grande parte da população, o transporte público de Marabá está sempre em pauta nas discussões políticas da…