Foto: Reprodução/Twitter
Foto: Reprodução/Twitter
Ads

Sensação da ginástica artística universitária dos Estados Unidos, Katelyn Ohashi se despediu das competições com mais uma nota 10 no solo. A ginasta de 22 anos, que viralizou com uma série ao som de Michael Jackson, disputou na quinta-feira o Aurora Games, um festival para promover o esporte feminino, em Albany, nos Estados Unidos. Desta vez a coreografia foi ritmada pela música “Proud Mary”, na voz de Tina Turner.

Ads

Katelyn ajudou a Universidade da Califórnia (UCLA) a conquistar o título da forte liga americana, a NCAA, em 2018. Suas séries encantaram o mundo, cheias de carisma. Só que a ginasta se formou neste ano e deixou as competições universitárias.

Antes da carreira na NCAA, Katelyn foi uma ginasta da elite americana. Ela era uma grande promessa e inclusive venceu Simone Biles na American Cup de 2013, a tradicional etapa da Copa do Mundo nos Estados Unidos. Só que lesões e cirurgias impediram Katelyn de disputar um Mundial ou uma Olimpíada.

(Fonte:G1)

Ads