Correio de Carajás

Gerente de posto é morto a tiros durante assalto

Está sendo velado no prédio da antiga Câmara Municipal de Parauapebas, o corpo de David Borba Alves, gerente de um posto de combustíveis assassinado durante um assalto ao estabelecimento comercial às 15h25 de ontem, domingo (10). Ele tentou seguir um dos bandidos com o carro, mas o veículo bateu no meio fio e o assaltante atirou contra ele. 

As câmeras de segurança registraram toda a ação. O gerente estava chegando ao posto de combustíveis, localizado na Rua Paulo Afonso, no Bairro Guanabara, em Parauapebas, quando viu uma dupla de assaltantes atacando um frentista.

O bandido saiu correndo para subir na moto do comparsa que dava cobertura e Davi saiu atrás dele de carro. O assaltante escorregou e caiu, próximo ao meio fio. Nessa hora, o carro acertou o meio fio e parou. Um dos assaltantes aproveitou, levantou e efetuou os disparos, que acertaram o gerente no peito.

Leia mais:

David ainda foi socorrido por uma equipe da Guarda Municipal e levado para o Hospital Municipal, mas morreu pouco depois de dar entrada na casa de saúde. A polícia já está em posse das imagens das câmeras de segurança e tenta identificar os criminosos.

David Borba era sobrinho de Altamiro Borba, vítima de latrocínio (assalto seguido de morte) há cerca de quatro anos. Altamiro estava saindo de uma casa lotérica no Bairro Beira Rio, quando sofreu o assalto e acabou morto pelos criminosos.  (Tina Santos, com informações de Caetano Silva)

Está sendo velado no prédio da antiga Câmara Municipal de Parauapebas, o corpo de David Borba Alves, gerente de um posto de combustíveis assassinado durante um assalto ao estabelecimento comercial às 15h25 de ontem, domingo (10). Ele tentou seguir um dos bandidos com o carro, mas o veículo bateu no meio fio e o assaltante atirou contra ele. 

As câmeras de segurança registraram toda a ação. O gerente estava chegando ao posto de combustíveis, localizado na Rua Paulo Afonso, no Bairro Guanabara, em Parauapebas, quando viu uma dupla de assaltantes atacando um frentista.

O bandido saiu correndo para subir na moto do comparsa que dava cobertura e Davi saiu atrás dele de carro. O assaltante escorregou e caiu, próximo ao meio fio. Nessa hora, o carro acertou o meio fio e parou. Um dos assaltantes aproveitou, levantou e efetuou os disparos, que acertaram o gerente no peito.

David ainda foi socorrido por uma equipe da Guarda Municipal e levado para o Hospital Municipal, mas morreu pouco depois de dar entrada na casa de saúde. A polícia já está em posse das imagens das câmeras de segurança e tenta identificar os criminosos.

David Borba era sobrinho de Altamiro Borba, vítima de latrocínio (assalto seguido de morte) há cerca de quatro anos. Altamiro estava saindo de uma casa lotérica no Bairro Beira Rio, quando sofreu o assalto e acabou morto pelos criminosos.  (Tina Santos, com informações de Caetano Silva)

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.