Correio de Carajás

Gastronomia : Circuito quer atrair o turismo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Neste mês de outubro, quem mora ou visita a cidade vai poder degustar diferentes pratos preparados com o peixe que é símbolo de Marabá. Iniciado no último domingo (1º), o primeiro Circuito Gastronômico de Marabá traz o Festival do Tucunaré, que se estende até o dia 30 deste mês e conta com a participação de 12 restaurantes. O evento é realizado pelo Sindhotel (Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares), com apoio do Sebrae.

Segundo Marcelo Araújo, gerente regional do Sebrae Marabá, o evento tem outras finalidades para além da comercialização dos pratos gastronômicos. “O circuito não tem só como objetivo vender o prato com o peixe tucunaré, mas de envolver toda uma cadeia de produção. Então, no próprio processo eles envolveram artesãos, que confeccionaram algumas peças no formato do peixe e também fizeram compras em mercados locais”, explicou.

O lançamento do circuito aconteceu na última sexta-feira (29), na sede do Sebrae, na Nova Marabá, mediante a entrega de kits aos restaurantes participantes. “O circuito é uma ótima oportunidade do público que aprecia a boa culinária saborear o Tucunaré que é tão característico aqui da região”, afirmou.

Leia mais:

Conforme informações repassadas ao CORREIO pelos organizadores, o evento visa também atrair turistas para Marabá, por meio da culinária, apresentando pratos da região e tornando o segmento de turismo gastronômico no município uma nova opção para a geração de renda e negócios.

Para tanto, mais de 20 cozinheiros dos estabelecimentos participantes tiveram acesso à capacitação “Culinária Amazônica”, ministrada pela chefe de cozinha Jussara Lunas na semana passada. Nesta quinta-feira (5), os gerentes e proprietários de restaurantes vão poder ter acesso a uma palestra ministrada por Melina Guelman, CEO de uma startup de alimentação e turismo. Na ocasião, eles vão poder aprender sobre inovação e tecnologia na área alimentícia. 

Para realizar o 1º Circuito Gastronômico de Marabá, foi necessário o apoio do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), Acim (Associação Comercial e Industrial de Marabá), Sebrae (Sistema Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Sindicom (Sindicato Patronal do Comércio Varejista de Marabá), Comtur (Conselho Municipal de Turismo), Secretaria Municipal de Turismo e Secretaria de Turismo do Estado do Pará. 

SAIBA MAIS – Quem quiser provar as delícias servidas durante o circuito, deve procurar os 12 restaurantes participantes. São eles: Bambu, Domani, Ilha Verde, Villa Itacaiúnas, Restaurante do Hotel Del Príncipe, Restaurante do Hotel Tauari, Em Casa Buffet, Vó Bertina Pizzaria, Flutuante Scala, Maverick 73, Cia. Paulista de Pizza, Tertúlia Churrascaria.

(Nathália Viegas com informações de Josseli Carvalho)

Neste mês de outubro, quem mora ou visita a cidade vai poder degustar diferentes pratos preparados com o peixe que é símbolo de Marabá. Iniciado no último domingo (1º), o primeiro Circuito Gastronômico de Marabá traz o Festival do Tucunaré, que se estende até o dia 30 deste mês e conta com a participação de 12 restaurantes. O evento é realizado pelo Sindhotel (Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares), com apoio do Sebrae.

Segundo Marcelo Araújo, gerente regional do Sebrae Marabá, o evento tem outras finalidades para além da comercialização dos pratos gastronômicos. “O circuito não tem só como objetivo vender o prato com o peixe tucunaré, mas de envolver toda uma cadeia de produção. Então, no próprio processo eles envolveram artesãos, que confeccionaram algumas peças no formato do peixe e também fizeram compras em mercados locais”, explicou.

O lançamento do circuito aconteceu na última sexta-feira (29), na sede do Sebrae, na Nova Marabá, mediante a entrega de kits aos restaurantes participantes. “O circuito é uma ótima oportunidade do público que aprecia a boa culinária saborear o Tucunaré que é tão característico aqui da região”, afirmou.

Conforme informações repassadas ao CORREIO pelos organizadores, o evento visa também atrair turistas para Marabá, por meio da culinária, apresentando pratos da região e tornando o segmento de turismo gastronômico no município uma nova opção para a geração de renda e negócios.

Para tanto, mais de 20 cozinheiros dos estabelecimentos participantes tiveram acesso à capacitação “Culinária Amazônica”, ministrada pela chefe de cozinha Jussara Lunas na semana passada. Nesta quinta-feira (5), os gerentes e proprietários de restaurantes vão poder ter acesso a uma palestra ministrada por Melina Guelman, CEO de uma startup de alimentação e turismo. Na ocasião, eles vão poder aprender sobre inovação e tecnologia na área alimentícia. 

Para realizar o 1º Circuito Gastronômico de Marabá, foi necessário o apoio do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), Acim (Associação Comercial e Industrial de Marabá), Sebrae (Sistema Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Sindicom (Sindicato Patronal do Comércio Varejista de Marabá), Comtur (Conselho Municipal de Turismo), Secretaria Municipal de Turismo e Secretaria de Turismo do Estado do Pará. 

SAIBA MAIS – Quem quiser provar as delícias servidas durante o circuito, deve procurar os 12 restaurantes participantes. São eles: Bambu, Domani, Ilha Verde, Villa Itacaiúnas, Restaurante do Hotel Del Príncipe, Restaurante do Hotel Tauari, Em Casa Buffet, Vó Bertina Pizzaria, Flutuante Scala, Maverick 73, Cia. Paulista de Pizza, Tertúlia Churrascaria.

(Nathália Viegas com informações de Josseli Carvalho)

Comentários

Mais

Fiocruz: acordo vai combater transmissão congênita da doença de Chagas

Fiocruz: acordo vai combater transmissão congênita da doença de Chagas

Um convênio assinado hoje (14) pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a agência internacional Central Internacional para a Compra de…
Jovem de Rondon do Pará vence “Oscar da Linguística” brasileiro

Jovem de Rondon do Pará vence “Oscar da Linguística” brasileiro

No dia 8 de abril de 2021, o jovem Bruno Gomes entrou para a história da pesquisa em Linguística no…
Abertura de empresas bate recorde em 2020, diz Serasa

Abertura de empresas bate recorde em 2020, diz Serasa

Em 2020, foram abertas 3,3 milhões de novas empresas, segundo levantamento da Serasa Experian. O número representa um crescimento de…
Covid: saúde mental piorou para 53% dos brasileiros sob pandemia, aponta pesquisa

Covid: saúde mental piorou para 53% dos brasileiros sob pandemia, aponta pesquisa

Mais da metade dos brasileiros entrevistados por uma pesquisa declararam que sua saúde emocional e mental piorou desde o início…
Conceição do Araguaia completa 124 anos neste 14 de abril

Conceição do Araguaia completa 124 anos neste 14 de abril

Conceição do Araguaia comemora 124 anos de emancipação política nesta quarta-feira, 14. A cidade pioneira na região, localizada às proximidades…
Como escolher um bom café? Mitos e curiosidades sobre a bebida queridinha dos brasileiros

Como escolher um bom café? Mitos e curiosidades sobre a bebida queridinha dos brasileiros

A segunda bebida mais consumida no mundo é também aquela que hoje serve como instrumento para aproximar ainda mais as…