Correio de Carajás

Garimpeiros interditam BR-163 para cobrar legalização de garimpos no Pará

Garimpeiros interditam BR-163 para cobrar legalização de garimpos no sudoeste do Pará
Garimpeiros interditam BR-163 para cobrar legalização de garimpos no sudoeste do Pará
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Um grupo de garimpeiros realiza, na manhã desta segunda-feira (9), um bloqueio na rodovia BR-163, próximo ao distrito de Moraes de Almeida, em Itaituba, sudoeste do Pará. Os manifestantes paralisaram as atividades para cobrar a legalização dos garimpos na região. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o engarrafamento passa de 40 quilômetros em apenas um dos sentidos da rodovia.

Os manifestantes exigem a paralisação das ações contra os garimpeiros na região e pedem garantia e segurança dos equipamentos. Durante operações de fiscalização, aparelhos utilizados na extração de minério de forma ilegal são inutilizados.

O grupo também pede uma audiência com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, para que seja discutida a regularização dos garimpos no Tapajós e regularização simplificada para as áreas garimpeiras.

Leia mais:

Violência contra agentes do Ibama

Garimpeiros já haviam respondido com violência a ações de fiscalização do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama). No dia 30 de setembro, agentes do instituto foram alvos de tiros próximo a uma área indígena no Pará. De acordo com a Polícia Federal, a ação criminosa teve o objetivo de intimidar as ações de combate a garimpos ilegais na região. Ninguém ficou ferido no ataque.

A equipe que foi alvo do atentado era composta por quatro fiscais Ibama, quatro agentes da Força Nacional e oito policiais federais. Os disparos foram efetuados quando a equipe identificou um garimpo ilegal perto da Terra Indígena Ituna/Itatá. No acampamento, foi encontrada uma escavadeira grande, além de máquinas e bombas usadas em garimpos ilegais. Os equipamentos foram destruídos no local.

No último dia 31, o Jornal Nacional mostrou o atentado contra fiscais do Ibama e da Polícia Federal no combate a garimpos ilegais no Pará.

(Fonte:G1)

Mais

Prefeitura de Marabá libera espaços de eventos a partir de segunda

Prefeitura de Marabá libera espaços de eventos a partir de segunda

A partir da próxima segunda-feira (17) os espaços de eventos ficam autorizados a funcionar em Marabá. O decreto nº 196,…
Começa hoje consulta pública sobre mudanças na Nova Marabá

Começa hoje consulta pública sobre mudanças na Nova Marabá

Nesta sexta-feira, dia 14 de maio, inicia a Consulta Pública promovida pela Câmara Municipal de Marabá, para que a população…
Covid-19: Novas etapas da campanha de vacinação iniciam neste fim de semana em Marabá

Covid-19: Novas etapas da campanha de vacinação iniciam neste fim de semana em Marabá

A Secretaria Municipal de Saúde de Marabá informa que, neste final de semana, sábado (15) e domingo (16), ocorrerá uma…
Post usa notícia de 2019 para parabenizar Bolsonaro por acordo Mercosul-UE, mas negociações estão paradas

Post usa notícia de 2019 para parabenizar Bolsonaro por acordo Mercosul-UE, mas negociações estão paradas

Investigado por: Verificado por:    É enganosa uma publicação no Facebook do dia 9 de maio de 2021, em um…
Estado regulariza cerca de 2.500 lotes dos bairros Liberdade e Independência

Estado regulariza cerca de 2.500 lotes dos bairros Liberdade e Independência

A Companhia de Habitação do Estado do Para (Cohab), ligada ao Governo do Estado, está trabalhando de forma célere para…
Filhote de jacaré surge em bueiro aberto na Folha 6

Filhote de jacaré surge em bueiro aberto na Folha 6

Um morador nada comum deu o “ar da graça” e surpreendeu a população da Folha 6. Um filhote de jacaré…