Foto: reprodução

Ramisson de Souza Ribeiro, de 36 anos, até foi criativo para tentar escapar de retornar ao Centro Regional de Recuperação Agrícola Mariano Antunes (Crama), onde cumpre pena. A desculpa dada aos policiais militares, no entanto, não funcionou.

ALICERCE
FUTURO POSTAGEM

Na noite de ontem, quarta-feira (8), por volta das 21 horas, ele foi abordado à altura do Km 11, na Rodovia Transamazônica (BR-230), entre Marabá e Itupiranga, próximo ao presídio.  Ao passarem por ele, policiais notaram que ele estava suado e decidiram verificar a situação.

Sem documento de identidade, Ramisson se apresentou como Wanderson Souza e alegou que havia deixado o presídio em razão da saída temporária do Dia dos Pais, benefício concedido pela Justiça a alguns presos nesta época.

Quando os militares foram checar a informação, no entanto, identificaram Ramisson pelo nome verdadeiro e constataram que ele havia fugido do regime semiaberto do presídio. Ele foi apresentado na 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil, onde ocorrência foi registrada, antes de retornar ao Crama.

O Portal Correio de Carajás divulgou ontem, quarta-feira (8), que inicialmente 57 detentos de presídios de Marabá receberam o benefício judicial. O balanço parcial aponta que em todo o estado do Pará, 1.584 presos do regime semiaberto terão o direito ao benefício.  No total geral de presos, 1.127 beneficiados são da Região Metropolitana de Belém e 457 do interior do Estado.

Eles começaram a deixar os presídios na última segunda-feira, dia 6, com previsão de retorno na próxima segunda, dia 13. (Luciana Marschall – com informações de Elson Gomes)

DEPNEUS
ROMANCE FAVORITA
FUTURO HORIZONTAL
RADIO CORREIO HORIZONTAL
TH SITES HORIZONTAL

DEIXAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.