Correio de Carajás

Fim do mistério: Flutuante desaparecido afundou no Rio Tocantins

Embarcações na área aproximada a que foi localizado o flutuante
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Um mistério que vinha intrigando o marabaense desde o dia 24 de março teve sua resposta definitiva nesta terça-feira, dia 31: o flutuante “Rancho D’água”, que estava desaparecido há uma semana foi encontrado. Na verdade, a chalana afundou na madrugada, sem que ninguém tenha presenciado, e agora foi identificado o local onde isso aconteceu, ainda em frente à praia do Tucunaré, esta também submersa neste período devido à enchente.

Quem teve a suspeita e promoveu busca por conta própria, seguindo a trajetória natural, rio abaixo, desde onde o flutuante estava atracado antes do sumiço, foi o empresário Jânio Lara, o popular Marujo. Experiente no contato com o rio e sendo também um ex-membro da marinha mercante, ele conseguiu mirar o local onde a correnteza apresentava ritmo diferente, como se ali houvesse um pedral.

Na visão de Jânio, o fator fundamental para o naufrágio do flutuante pode ter sido a colisão dele com outra chalana, após ter se soltado. Isso teria avariado o casco o suficiente para encher d’água, favorecendo a ocorrência. Ele frisa, no entanto, que apenas o resgate poderá elucidar de vez as hipóteses.

Leia mais:

Após confirmar sua suspeita, Jânio alertou os donos da chalana, Elysandra Ravani e Marcelo Araújo, sobre a sua teoria e os mesmos foram ao local, acompanhados de ribeirinhos que têm experiência no Rio Tocantins. O “Rancho” realmente estava lá, submerso.

A primeira providência dos proprietários foi marcar o local com boias e, nesta manhã de quarta-feira (31/3) resolverem tornar essa marcação ainda mais evidente, como forma de alertar embarcações que passem pelo local, evitando acidentes.

Pela localização, caso o flutuante consiga se manter preso pelas âncoras, como aparenta estar, é capaz que consiga submergir tão logo o rio retorna ao seu nível normal, no verão.

ENTENDA

O flutuante “Rancho D’água” foi dado como desaparecido na manhã de 24 de março, após uma noite de temporal sobre a cidade de Marabá. Um barqueiro avisou os proprietários sobre o misterioso sumiço da chalana. O sumiço também foi relatado nas redes sociais. A estrutura estava mobiliada com frigobar, botijão de gás, fogão, louças e até um caiaque.

“Perguntei a vários ribeirinhos. Ninguém viu nada”, disse Elysandra após a primeira busca que se deu com abordagem a barqueiros e ribeirinhos, os quais nada sabiam sobre a ocorrência. As buscas percorreram rio abaixo até a região do Lourenção, sem sucesso. A possibilidade do flutuante ter afundado também era levada em conta.

A última vez que esteve na estrutura, no sábado (20/3), a empresária não notou anormalidades. Marcelo também esteve por lá na terça (23) e também não percebeu nada fora do comum. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Exposição on-line apresenta obras produzidas por artistas de Parauapebas

Exposição on-line apresenta obras produzidas por artistas de Parauapebas

Já está disponível na página do Movimenta Pebas, a exposição virtual das três obras produzidas no programa de residência artística…
Estudos fraudados não deslegitimam artigos que comprovam ineficácia da cloroquina contra a covid-19

Estudos fraudados não deslegitimam artigos que comprovam ineficácia da cloroquina contra a covid-19

INVESTIGADO POR:  VERIFICADO POR:    Médico norte-americano apresenta evidências enganosas ao sugerir conspiração da ciência contra cloroquina. Texto publicado em…
Mutirão, em Marabá, vacina mais de 10 mil pessoas acima dos 45 anos

Mutirão, em Marabá, vacina mais de 10 mil pessoas acima dos 45 anos

A partir desta segunda-feira (21), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) retomou a vacinação contra a covid-19 para quem está…
É falso que senadores republicanos tenham descoberto origem da covid-19

É falso que senadores republicanos tenham descoberto origem da covid-19

INVESTIGADO POR:  VERIFICADO POR:  Conteúdo verificado: Texto publicado em site na internet segundo o qual senadores republicanos revelaram que já…
Temperatura sobe e agita o verão de Parauapebas

Temperatura sobe e agita o verão de Parauapebas

Junho chegou e com ele a onda de calor mais forte do ano na região amazônica. As temperaturas podem superar…
Projeto que cria linhas de ônibus turísticas em Parauapebas será votado nesta terça (22)

Projeto que cria linhas de ônibus turísticas em Parauapebas será votado nesta terça (22)

Consta na pauta da Sessão Ordinária desta terça-feira (22) da Câmara Municipal de Parauapebas o Projeto de Lei Nº 54…