Correio de Carajás

Exército e Bombeiros caçam homem que desapareceu na mata de Marabá há 12 dias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Cerca de 40 homens do Exército, 5 do Corpo de Bombeiros e dois helicópteros estão mobilizados na busca por Giliard Reis Santos, 36 anos, que se perdeu no interior da Reserva Biológica do Tapirapé, em Marabá, no dia 10 deste mês. A região em que ele estaria perdido fica próxima à Vila Bandinha, depois da Vila União.

Na tarde desta segunda-feira, em entrevista ao CORREIO DE CARAJÁS, a esposa de Giliard, Neidiane Ribeiro dos Santos Reis, contou que eles moram no Bairro Novo Horizonte, aqui em Marabá, e que ele estava desempregado e organizou uma caçada na referida floresta em companhia de Valdecy e Cândido. Saíram daqui no dia 30 de março e nunca mais ela teve contato com o marido, porque na região não pega sinal de telefone celular.

Neidiane diz que Valdeci e Cândido chegaram com a notícia do desaparecimento de seu marido cinco dias depois do episódio. Eles disseram que montaram acampamento no pé de uma serra no dia 10 de abril e que Valdeci saiu para procurar banana e Giliard resolveu fazer incursão na serra, por volta de 15h30, mas sem nenhuma arma, apenas com a roupa do corpo.

Leia mais:

Quando Valdeci retornou, perto do pôr-do-sol, ficou preocupado com o sumiço do amigo e resolveu procurá-lo juntamente com Cândido. Os dois teriam vasculhado a mata fechada até perto de meia noite, mas não o encontraram. No dia seguinte, fizeram o mesmo e não havia vestígio dele. Os dois, então, vieram para Marabá, onde comunicaram o caso à Neidiane.

Ao ficar sabendo do desaparecimento do marido, Neidiane diz que registrou ocorrência na delegacia, pediu ajuda do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil, que por sua vez acionou o Exército. A mineradora Vale disponibilizou uma diária de helicóptero para ajudar nas buscas.

No dia 15 deste mês, uma equipe do Corpo de Bombeiros foi para a região, levando dois cães farejadores. No dia 17, a 23ª Brigada de Infantaria de Selva também enviou um grupo de 40 militares para ajudar nas buscas.

A Assessoria de Imprensa da Vale informou à Reportagem que Giliard não trabalha na empresa e nem para terceirizadas, tendo disponibilizado helicóptero na semana passada a pedido do Corpo de Bombeiros. Ontem, domingo, e hoje, segunda-feira, outro helicóptero, do próprio Corpo de Bombeiros, fez varredura na área e não achou nada.

Nediane diz que tem esperança de que o marido esteja bem. Ela revela que ele é forte, saudável, é lutador de jiu-jitsu, faz academia e dificilmente adoece. “Estamos pedindo ajuda para quem souber do seu paradeiro poder falar pra gente”, disse ela, em tom de desespero. (Ulisses Pompeu)

Comentários

Mais

Conta de luz continuará em agosto com taxa extra mais elevada, informa Aneel

Conta de luz continuará em agosto com taxa extra mais elevada, informa Aneel

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (30) que a conta de luz continuará em agosto com…
Inteligência artificial pode desafogar sistema de saúde na pandemia

Inteligência artificial pode desafogar sistema de saúde na pandemia

Estudo feito em parceria por pesquisadores da Escola de Medicina da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Fundação Getulio Vargas…
Autorização de viagem para menores de 16 anos poderá ser feita online

Autorização de viagem para menores de 16 anos poderá ser feita online

A partir de segunda-feira (2), os pais poderão emitir pela internet uma autorização para que seus filhos menores de 16…
Marabá: Venezuelanos são tirados da rua e já têm casa

Marabá: Venezuelanos são tirados da rua e já têm casa

A nova leva de venezuelanos que chegou nas últimas semanas a Marabá chamou atenção e teve grande visibilidade pela quantidade…
Passageira se recusa a usar máscara e é retirada de voo por policiais federais

Passageira se recusa a usar máscara e é retirada de voo por policiais federais

Uma passageira se recusou a usar máscara de proteção à Covid-19 e provocou atraso de uma aeronave, que saiu de…
Paciente é internado em Belém com suspeita de variante delta

Paciente é internado em Belém com suspeita de variante delta

Duas pessoas com Covid-19, que chegaram dos Estados Unidos a Belém, realizaram exames para identificar se houve a possível contaminação…