Correio de Carajás

Envolvido em assalto à Prosegur é preso em São João do Araguaia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Polícia Civil divulgou hoje, sexta-feira (3), ter cumprido ontem, quinta-feira (2), mandado de prisão preventiva Edvaldo Pereira da Cunha, 43 anos, em uma propriedade da zona rural de São João do Araguaia.  A prisão foi decretada pela juíza Renata Guerrero Milhomem de Souza, titular da 1ª Vara Criminal de Marabá, em novembro do ano passado.

Edvaldo foi identificado como um dos homens que participaram do assalto à transportadora de valores Prosegur, ocorrido na madrugada do dia 5 de setembro de 2016, em Marabá. Na ocasião, uma quadrilha de bandidos encapuzados explodiu a sede da empresa, derrubando imóveis às proximidades, no Núcleo Cidade Nova.

Contra ele, pesam as acusações de roubo e de ser integrante de organização criminosa. Além dele, outras oito pessoas foram indiciadas pela Polícia Civil no Inquérito presidido pelo delegado Tiago Barreto da Rocha Belieny, titular da Delegacia de Repressão de Roubos a Banco e Antissequestro (DRRBA), sediada em Belém.

Leia mais:

Os demais são Nilvan Pereira da Silva, Gilvan Pereira da Silva, Leilane Barbosa Sales, Marcos Alberto Santana de Oliveira, Antonio Rangel Duarte Lima, Leonardo Freire de Souza, Meury Cristina Pereira Silva e Walt Rafael Sousa de Araújo.

Um deles, Gilvan Pereira da Silva, morreu em janeiro deste ano após ter contraído tuberculose na prisão e ter sido diagnosticado com câncer de intestino. Outro, Antonio Rangel Duarte Lima, o Bin Laden, atualmente foragido, foi condenado em junho passado a 41 anos de prisão por outro crime: extorsão mediante sequestro do funcionário de uma agência bancária de Marabá.

Segundo a Polícia Civil, o homem preso agora, Edvaldo, possui extensa ficha criminal, já tendo sido preso em 2005, 2007 e 2010, todas as vezes por roubo ou furto. Na segunda prisão, em 2007, o alvo também foi uma empresa especializada em transporte de valores. Um veículo foi atacado quando se aproximava de uma drogaria em Marabá.

Após os procedimentos realizados pela Polícia Civil, Edvaldo foi transferido para o Centro de Triagem Masculino, em Marabá, onde responderá ao processo judicial do caso. (Luciana Marschall)

Mais

Adolescente é encontrada, mas colega segue desaparecida

Adolescente é encontrada, mas colega segue desaparecida

Após boletim de ocorrência ter sido registrado na manhã desta sexta-feira (14), a adolescente de 13 anos Isabela Cruz Costa,…
Envolvido em assalto ao BMG de Marabá é preso

Envolvido em assalto ao BMG de Marabá é preso

José Lúcio Barroso da Silva foi preso nesta sexta-feira (14) em cumprimento de mandado de prisão, pela Superintendência Regional do…
Mulher aplica golpe em farmácia do Cidade Jardim

Mulher aplica golpe em farmácia do Cidade Jardim

A Polícia Civil prendeu Kamila Morais Alves, de 24 anos, por estelionato, nesta quinta-feira (13), em Parauapebas. A mulher emitia…
Adolescentes de 13 anos estão desaparecidas em Parauapebas

Adolescentes de 13 anos estão desaparecidas em Parauapebas

As adolescentes Ana Clara Moraes de Souza e Isabela Cruz Costa estão desaparecidas desde a manhã da quinta-feira (13). As…
Corpo é encontrado degolado na beira do rio, na Folha 8

Corpo é encontrado degolado na beira do rio, na Folha 8

Foi identificado como Wallame Franco de Mesquita, de 30 anos, o corpo localizado na quarta-feira (12). por volta das 19h10,…
Foragido por homicídio no Tocantins é preso em Parauapebas

Foragido por homicídio no Tocantins é preso em Parauapebas

Eliwelton Carneiro da Silva foi preso na noite desta quinta-feira (13), no Bairro Cidade Jardim, em Parauapebas. Consta contra ele…