Correio de Carajás

“Dilúvio” causa alagamentos em casas e feira de Marabá

Feira Coberta do Bairro Laranjeiras ficou embaixo d'água / Foto: Reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A chuva que abriu a manhã desta sexta-feira (12) causou alagamentos e prejuízos, como de praxe. Avenidas no Núcleo Cidade Nova foram tomadas pela água que não foi absorvida pelos bueiros, causando dificuldade para qualquer um que tentasse transitar por elas.

Vídeos circulam pelas redes sociais, mostrando a situação em que ficou alguns pontos da cidade. Os mais afetados foram a Avenida Antônio Vilhena, no Bairro Liberdade e a Rua Maranhão que divide os Bairros Jardim União e Laranjeiras.

Em um dos vídeos é possível perceber a dificuldade dos motoristas em atravessar as vias. Alguns precisaram descer do carro e empurrá-lo. Além disso, a Avenida Boa Esperança também foi tomada pelas águas, atingindo a Feira Coberta do Bairro.

Leia mais:

Na Avenida Itacaiunas, na altura do Bairro Bom Planalto, bueiros entupidos causaram alagamentos em residências. Moradores queixam-se nos vídeos dos transtornos e da perda de bens materiais.

A Reportagem do CORREIO percorreu vários trechos da Boa Esperança e Feira Coberta da Laranjeiras. O feirante Manoel Celestino disse que a água entrou na madrugada e cobriu cerca de 50 centímetros acima do piso da Feira Coberta. Quando ele chegou, por volta de 6h30 da manhã, sete sacos de arroz, farinha e feijão estavam dentro d’água e ele o prejuízo foi em torno de R$ 1.500,00. “A gente trabalha muito, se esforça e acontece uma coisa dessa. Essa é a segunda vez que perco mercadoria aqui”, lamenta.

O Correio de Carajás solicitou um posicionamento à Prefeitura de Marabá.

A PMM informou que identificou cinco pontos de alagamento:

Avenida Antônio Vilhena – existe uma previsão que no verão seja refeita a drenagem da via. Atualmente os tubos de drenagem são pequenos e não comportam a passagem de água, são antigos e as casas foram construídas em cima do bueiro.

Boa esperança e feira – entupimento dos bueiros por causa de lixo residencial. Na semana passada a prefeitura retirou cerca de 800 garrafas pet de uma manilha na folha 16.

Prefeitura pede ajuda da população para que não jogue lixo nas ruas por entupir bueiro.

Desde o verão, as equipes da SSA vêm fazendo limpezas de bueiros e graças a isso, a cidade não registrou mais pontos de alagamento. Graças a isso não teve alagamento na avenida Manaus, que costumava ter muito. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Uepa abre inscrições para novo processo seletivo

Uepa abre inscrições para novo processo seletivo

AUniversidade do Estado do Pará (Uepa) inicia nesta quarta-feira (16) as inscrições ao novo Processo Seletivo 2021 (Prosel 2021-2), para…
IBGE atualiza limites de municípios no mapa da Amazônia Legal

IBGE atualiza limites de municípios no mapa da Amazônia Legal

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou hoje (16) o novo mapa da Amazônia Legal para 2020, com base…
Por que o dólar caiu, mas a gasolina e o diesel continuam subindo?

Por que o dólar caiu, mas a gasolina e o diesel continuam subindo?

O dólar vem se desvalorizando em relação ao real e acumula perdas de 3,74% em 2021 (de 4 de janeiro…
SAMU faz cerca de 700 atendimentos por mês em Marabá

SAMU faz cerca de 700 atendimentos por mês em Marabá

É difícil imaginar um acidente de trânsito com vítima e não lembrar de chamar o Serviço de Atendimento Móvel de…
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar auxílio emergencial

Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar auxílio emergencial

A partir desta quarta-feira (16), os trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos…
Anvisa autoriza importação excepcional da vacina Sputnik V

Anvisa autoriza importação excepcional da vacina Sputnik V

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu autorização, por meio do Circuito Deliberativo nº 539/2021, para a importação excepcional…