Correio de Carajás

Denunciado por violência doméstica é preso por desacato

Policiais militares (PM) receberam denúncia via Núcleo Integrado de Operações (NIOP-190) sobre uma vítima de violência doméstica na Folha 7, Nova Marabá, na tarde de terça-feira, 12. Com o endereço completo em mãos, a guarnição foi até o local. Chegando lá, a mulher que os recebeu afirmou que não foi agredida fisicamente, tão pouco ameaçada e declarou não ter sido ela quem fez a ligação ao 190. O companheiro, Reginaldo Silva Souza, também estava na residência.

A mulher contou aos policiais que está se separando de Reginaldo e que ele, durante uma conversa acalorada, quebrou vários objetos dentro de casa. De acordo com informações da polícia, durante a abordagem o homem desacatou os PMs ao não obedecer às instruções de comando das autoridades. Ele esbravejava palavrões e afirmações como: “Podem atirar em mim”, além disso, foi relatado que ele apresentava sinais de embriaguez e estava com os ânimos alterados.

Todas as circunstâncias da ocasião resultaram em voz de prisão. Para conter Reginaldo foi preciso o uso de spray. Para garantir a integridade física dele e da guarnição, o sujeito foi levado algemado para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam). (Luciana Araújo)

Leia mais:
Comentários