Correio de Carajás

Círio deve atrair 83 mil turistas e movimentar mais de 32 milhões de dólares

Círio 2019: Transporte e hospedagem aumentam significativamente
(Foto: Eliseu Dias / Agência Pará)
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Em outubro, a Festividade do Círio de Nazaré deve trazer a Belém 83 mil pessoas, um aumento de aproximadamente 3% em relação ao número de turistas registrado no mesmo período de 2018 – 81 mil pessoas. A estimativa de gasto médio dos turistas, para este ano, é de US$ 31,2 milhões, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (5) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese Pará), em conjunto com a Secretaria de Estado de Turismo (Setur).

Para o diretor técnico do Dieese Pará, Roberto Sena, o crescimento é pequeno, mas positivo. “Mesmo com a conjuntura ainda desfavorável, o número de turistas para este ano tem um crescimento projetado de 3%. Um crescimento tímido. Mesmo com a dificuldade dos dois primeiros trimestres, neste segundo semestre esperamos mais dinheiro na economia. A tendência é uma movimentação maior do que no ano passado”, disse o economista.

A pesquisa apontou que os principais estados emissores de turistas para o Círio 2018 foram Maranhão, com 14%, seguido por São Paulo, com 11%; Ceará, com 9%, e Rio de Janeiro (8%). Homens compareceram em maior número (55,4%). Na faixa etária, as pessoas com idade entre 35 e 50 anos são as que mais marcam presença na festividade religiosa, totalizando 41%. Para hospedagem, os turistas preferem hotel, casa de parentes e casa de amigos. Um ponto importante mostrado pelo estudo é que 94% das pessoas que visitam Belém para o Círio têm intenção de retornar.

Leia mais:

De acordo com o secretário de Estado de Turismo, André Dias, a pesquisa é importante para que Belém consiga aprimorar a receptividade aos turistas. “Com base nessa pesquisa podemos melhorar ainda mais a qualidade do receptivo. Quase 95% desses turistas dizem que querem voltar. E podemos, com estes números, melhorar também o direcionamento do nosso marketing. A gente já conhece melhor esse turista que vem, como atingi-lo e como trazer cada vez mais pessoas”, frisou o secretário.

Permanência – “Nosso papel é ampliar a divulgação, a informação e o conhecimento a respeito do Círio, e aumentar a permanência desse turista no Pará, com visitas ao Marajó, ao Tapajós ou ao nordeste paraense. Vimos, por exemplo, que mais de 50% das pessoas que vieram foi por recomendação de amigos ou parentes. Esse é um dado importante. Tudo isso reforça a importância de, cada vez mais, receber melhor”, completou André Dias.

O levantamento apontou ainda os pontos turísticos de Belém mais visitados durante a quadra nazarena. A Basílica Santuário de Nazaré aparece em primeiro lugar, seguida pela Estação das Docas e o Ver-o-Peso.

Em 10 anos, houve um crescimento de 137% no número de visitantes na época do Círio, aumentando também em 30% o gasto médio de quem visita a capital paraense. Em 2009, o valor gasto pelos turistas chegou a US$ 24 milhões, e a expectativa para este ano é que esse número supere US$ 31 milhões. (Agência Pará)

Mais

Cadáveres não foram violados no Cemitério da Saudade, em Marabá

Cadáveres não foram violados no Cemitério da Saudade, em Marabá

Circulou nas redes sociais na manhã desta terça-feira (11) a foto de um caixão aberto, que possivelmente seria no Cemitério…
Servidores da Educação iniciam greve em frente à Semed

Servidores da Educação iniciam greve em frente à Semed

Servidores públicos tomaram a frente da Secretaria Municipal de Educação (Semed) de Marabá na manhã desta terça-feira (11) após a…
Anvisa orienta suspensão de vacina da AstraZeneca para grávidas

Anvisa orienta suspensão de vacina da AstraZeneca para grávidas

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou a suspensão imediata do uso da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca/Fiocruz…
Mais de 38 mil pessoas já participaram de contações de história durante a pandemia

Mais de 38 mil pessoas já participaram de contações de história durante a pandemia

A pandemia da covid-19 consolidou a internet como principal plataforma de entretenimento no Brasil. A rede está repleta de programações…
Operação fiscaliza bares e restaurantes em Marabá

Operação fiscaliza bares e restaurantes em Marabá

As forças de segurança seguem fiscalizando o cumprimento do Decreto Municipal nº 184/2021, que permite a reabertura de bares no…
Sintepp anuncia greve na educação de Marabá

Sintepp anuncia greve na educação de Marabá

Por meio de seu blog na Internet, a Subsede local do Sindicato dos Trabalhadores na Educação (Sintepp) anunciou, nesta segunda-feira,…