Correio de Carajás

Catador de latinha encontra corpo sem cabeça

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Um catador de latinhas levou um susto quando fazia a coleta de material reciclado em uma área ainda não habitada da 4ª etapa do Conjunto Nova Carajás, em Parauapebas, no final da tarde de ontem, quarta-feira (5).  Ele encontrou o corpo de homem, sem a cabeça, já em adiantado estado de decomposição.

O achado macabro aconteceu por volta de 17 horas. O catador, que já é um senhor de 65 anos de idade e não teve o nome divulgado, estava sozinho no local procurando latinhas em meio ao lixo descartado por moradores do bairro.

Ao revirar o mato, ele viu um pé e, ao abrir mais caminho no matagal, se deparou com a cena. O corpo estava sem cabeça e com as mãos e pés amarrados com uma corda. O homem estava sem camisa e trajando uma bermuda nas cores preta e amarela.

Leia mais:

Pelo estado de decomposição do corpo, a polícia acredita que a vítima foi morta ou teve o corpo desovado há cerca de um mês.  O cadáver estava ao lado direito da Rodovia PA-275, às proximidades de uma empresa de recapagem de pneus, sentido Curionópolis. A área fica a 500 metros da rodovia, a poucos metros de um desvio que dá entrada para o Bairro Nova Carajás. (Tina Santos)

Um catador de latinhas levou um susto quando fazia a coleta de material reciclado em uma área ainda não habitada da 4ª etapa do Conjunto Nova Carajás, em Parauapebas, no final da tarde de ontem, quarta-feira (5).  Ele encontrou o corpo de homem, sem a cabeça, já em adiantado estado de decomposição.

O achado macabro aconteceu por volta de 17 horas. O catador, que já é um senhor de 65 anos de idade e não teve o nome divulgado, estava sozinho no local procurando latinhas em meio ao lixo descartado por moradores do bairro.

Ao revirar o mato, ele viu um pé e, ao abrir mais caminho no matagal, se deparou com a cena. O corpo estava sem cabeça e com as mãos e pés amarrados com uma corda. O homem estava sem camisa e trajando uma bermuda nas cores preta e amarela.

Pelo estado de decomposição do corpo, a polícia acredita que a vítima foi morta ou teve o corpo desovado há cerca de um mês.  O cadáver estava ao lado direito da Rodovia PA-275, às proximidades de uma empresa de recapagem de pneus, sentido Curionópolis. A área fica a 500 metros da rodovia, a poucos metros de um desvio que dá entrada para o Bairro Nova Carajás. (Tina Santos)

Comentários

Mais

Colisão de motos deixa dois mortos e um ferido no bairro Betânia

Colisão de motos deixa dois mortos e um ferido no bairro Betânia

Por volta das 15 horas deste sábado (17), uma colisão frontal entre duas motos no bairro Betânia, em Parauapebas, resultou…
Trio é detido por tráfico no bairro Altamira

Trio é detido por tráfico no bairro Altamira

Na noite desta sexta-feira (16), a policia autuou três jovens por tráfico de drogas no bairro Altamira, em Parauapebas. Viniciu…
Menor de idade é baleado no bairro Liberdade

Menor de idade é baleado no bairro Liberdade

Na noite desta sexta-feira (16), um menor de idade foi alvejado no antebraço em sua casa, no bairro Liberdade, em…
Dr. Jairinho é investigado por agressões a três crianças; entenda

Dr. Jairinho é investigado por agressões a três crianças; entenda

Com o novo depoimento de uma ex-namorada de Dr. Jairinho, Débora Melo Saraiva, já são três casos investigados pela polícia sobre crianças…
Drogas levam dois à cadeia em Marabá

Drogas levam dois à cadeia em Marabá

Os indivíduos Wagner Souza Andrade e Rodrigo Nascimento foram presos pela Polícia Militar por volta das 4h30 da madrugada desta…
Defensor marabaense alerta sobre “stalking”, que agora é crime

Defensor marabaense alerta sobre “stalking”, que agora é crime

No dia 1º de abril de 2021, entrou em vigor a Lei 14.132/2021, que inclui no Código Penal Brasileiro, o…