Correio de Carajás

Canaã: Oficinas ensinam técnicas de escrita criativa e poesia periférica

Foto: Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Canaã dos Carajás, 09 de novembro de 2020 – Não importa a sua profissão. Em algum momento você vai se deparar com a tarefa de escrever sobre algo. Pode ser um relatório de viagem ou um texto sobre os principais desafios na sua área de atuação. Em todos eles, é possível chamar a atenção do leitor do início ao fim, e não precisa ser um escritor para chegar nesse nível. Um bom curso de escrita criativa ajuda a tornar os seus textos interessantes. A boa notícia é que a Casa da Cultura de Canaã dos Carajás está com inscrições abertas para uma oficina gratuita e on-line sobre o assunto.

 As aulas ocorrerão no período de 24 a 27 de novembro, sempre às 20h, via WhatsApp, com o poeta Preto Michel. Durante os encontros, os alunos vão produzir textos com narrativas inspiradas em suas próprias vivências. A proposta é que a partir desse exercício, eles criem contos, crônicas e poesias usando técnicas simples de construção de textos, com base em cenários, personagens, linguajar e situações reais e imaginárias.

 Em novembro, a Casa da Cultura promoverá outras duas oficinas relacionadas à produção de texto. A primeira será ministrada pela produtora cultural e ativista do movimento negro Shaira Mana Josy, estimulando os participantes a se expressarem por meio da escrita livre, ou seja, fora dos padrões estéticos e linguísticos costumeiramente orientados nas instituições de ensino. A oficina de poesia periférica será de 10 a 13 de novembro, às 20h.

Leia mais:

 A iniciativa se baseia em experiências adquiridas com os jovens e adolescentes participantes de outras oficinas desenvolvidas pela Sociedade Paraense de Defesa dos Direitos Humanos (SDDH), em Belém, por meio do projeto “Educar e Resistir por Direitos Humanos na Amazônia”. Na oficina serão abordados temas relacionados à vida cotidiana e às problemáticas enfrentadas por quem vive nas periferias.

 Já a outra oficina é uma introdução à poesia popular a partir das literaturas de Cordel e Marginal. A ideia é levar o público à compreensão de que a escrita popular conduz para uma expansão sobre a consciência de nós mesmos, individual e politicamente antirracista, quando nos tornamos narradores de nossas próprias histórias. As aulas serão ministradas pelo oficineiro Hugo Caetano, no período de 16 a 19 de novembro, sempre às 20h.

 Para se inscrever nas oficinas basta enviar mensagem ou ligar para um desses números: (94) 99160-8186 e (94) 99220-3451.

 Protagonismo negro

As oficinas integram a programação da Casa da Cultura de Canaã dos Carajás alusiva ao Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, comemorado no dia 20 de novembro. Neste mês, todas as atrações são protagonizadas por artistas afrodescendentes e, em sua maioria, versam sobre a temática negra.

 Casa da Cultura de Canaã

O espaço cultural, criado e mantido pela Vale e que agora integra o Instituto Cultural Vale, desempenha papel de guarda e registro do acervo histórico do município, e de difusor cultural na região. Nesse sentido, promove exposições, exibições de filmes, clubes de leitura, contações de história, espetáculos de música, dança, circo e teatro, além de manter uma escola de música e dança, onde crianças e jovens têm a oportunidade de participar, de forma gratuita, de aulas de ballet clássico, canto, violão, flauta doce, musicalização infantil e percussão tradicional paraense.

 Sobre o Instituto Cultural Vale

O Instituto Cultural Vale é um instrumento de transformação social com o propósito de democratizar o acesso e fomentar a arte, a cultura e o desenvolvimento das expressões artísticas regionais. Com o objetivo de gerar impacto positivo na vida das pessoas e construir um legado para futuras gerações através da produção cultural, tem, sob sua gestão, mais de 60 projetos criados, apoiados ou patrocinados pela Vale em mais de 50 municípios brasileiros em 2020. Dentre eles, uma rede de espaços culturais próprios com visitação gratuita, atuação junto a escolas e organizações sociais, com identidade e vocação únicas, como a Casa da Cultura de Canaã dos Carajás (PA) e ainda, o Memorial Minas Gerais Vale (MG), Museu Vale (ES) e Centro Cultural Vale Maranhão (MA).  Fechados temporariamente desde março de 2020 em função da pandemia da Covid-19, estes espaços mantêm programação on-line gratuita em seus canais próprios, para conservar vivo o diálogo com seus públicos.

Serviço

  • Oficina de poesia periférica

Quando: 10, 11, 12 e 13 de novembro, às 20h.

  • Oficina poesia popular “Vozes da Periferia”

Quando: 16, 17, 18 e 19 de novembro, às 20h.

  • Oficina de escrita criativa e narrativas afro-brasileiras

Quando: 24, 25, 26 e 27 de novembro, às 20h.

 Inscrições via WhatsApp: (94) 99160-8186 e (94) 99220-3451.

(Divulgação/Ascom da Casa da Cultura)

Comentários

Mais

Caminhão a serviço do Dnit derruba tanque e VP-8 é parcialmente bloqueada

Caminhão a serviço do Dnit derruba tanque e VP-8 é parcialmente bloqueada

Uma das rotatórias da avenida VP-8 da nova Marabá estava parcialmente isolada nesta manhã de domingo (20), bem perto da…
Presidente do Incra exalta reforma agrária

Presidente do Incra exalta reforma agrária

Presidente do Incra exalta reforma agrária Em seu discurso no evento em Marabá, o presidente do Incra, Geraldo Melo Filho,…
Começa hoje a vacinação da  população sem prioridade

Começa hoje a vacinação da população sem prioridade

Um mutirão de dois dias vai marcar o momento tão esperado pelos marabaenses: o início da vacinação contra a covid-19…
Dose extra de vacina é insuficiente para imunizar a população

Dose extra de vacina é insuficiente para imunizar a população

A Secretaria Municipal de Saúde de Canaã dos Carajás recebeu do Governo do Estado 3.140 doses de vacina contra o…
Venezuelanos acampados em praça recebem ‘ultimato’

Venezuelanos acampados em praça recebem ‘ultimato’

A administração pública de Parauapebas trabalha para resolver a situação dos indígenas venezuelanos da etnia Warao, que estão acampados há…
Tião Miranda pede que Bolsonaro ajude a duplicar 3 rodovias em Marabá

Tião Miranda pede que Bolsonaro ajude a duplicar 3 rodovias em Marabá

Logo após a execução do Hino Nacional, no Parque de Exposições, nesta sexta-feira, dia 18, o prefeito de Marabá, Tião…