Correio de Carajás

Canaã: Justiça manda homem que matou companheira para o Tribunal do Júri

Foto: reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O juiz Danilo Alves Fernandes, respondendo pela Vara Criminal de Canaã dos Carajás, pronunciou Francisco Pereira da Silva por feminicídio praticado contra a companheira dele, Nilcilene Silva Sousa, em fevereiro deste ano, na mesma cidade, no sudeste paraense. O magistrado também manteve a prisão preventiva do réu, que será submetido ao Tribunal do Júri, ainda sem data marcada.

Conforme a denúncia formulada pelo Ministério Público do Estado do Pará, a Polícia Militar foi acionada por volta de meia-noite dia 19 de fevereiro para atender uma ocorrência na Invasão Vale do Canaã, à altura da rotatória da Rodovia PA-160.

Naquele momento Nilcilene já estava morta. Quando os militares chegaram se deparando com o corpo da mulher e Francisco com a faca ensanguentada próximo dele. De lá, o homem foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde prestou depoimento e alegou não se lembrar claramente do ocorrido.

Leia mais:

Afirmou recordar apenas que a vítima o agrediu e posteriormente pegou a faca, momento esse em que, para se preservar, necessitou desarmar Nilcilene. Ele foi encaminhado para exame de corpo de delito, mas a perícia não identificou lesões alegadas por ele, verificando a ausência de escoriações.

Embora tenha alegado legítima defesa, em interrogatório junto ao Poder Judiciário Francisco confirmou a autoria do crime.

As investigações da Polícia Civil apontaram que uma briga entre o casal surgiu motivada por ciúmes, após o acusado ter ajudado uma vizinha a consertar a motocicleta. As discussões, entretanto, eram frequentes entre os dois, conforme destacaram testemunhas. 

Segundo uma irmã da mulher assassinada, esta dizia ter medo de ser morta por Francisco e tentava se separar dele. Os policiais militares que atenderam a ocorrência declararam que havia muitas coisas quebradas na casa, demonstrando indícios de luta corporal, além de muito sangue. (Luciana Marschall)

Comentários

Mais

Motoqueiro bêbado provoca acidente na Folha 29

Motoqueiro bêbado provoca acidente na Folha 29

Após atravessar o canteiro central e tentar alcançar a pista, o condutor de uma motocicleta, Elias Alves de Almeida, de…
Motociclista morre ao bater moto em carro estacionado

Motociclista morre ao bater moto em carro estacionado

Uma fatalidade ceifou a vida do trabalhador rural Jorcelino Alves de Araújo, de 51 anos de idade, morador do município…
Adolescente é apreendido por matar desafeto no Bairro da Paz

Adolescente é apreendido por matar desafeto no Bairro da Paz

Entre os crimes registrados em Marabá está semana está o assassinato de Gabriel da Silva Ribeiro, de 24 anos. Ele…
Polícia faz caçada a um dos suspeitos de envolvimento na chacina de Parauapebas

Polícia faz caçada a um dos suspeitos de envolvimento na chacina de Parauapebas

Parauapebas presenciou, na última quarta-feira (15), uma cena de terror: cinco corpos foram encontrados Às proximidades do bairro Vila Nova,…
Moradores encontram corpo próximo à Folha 8

Moradores encontram corpo próximo à Folha 8

Moradores da Folha 8, Núcleo Nova Marabá, encontraram próximo ao Rio Tocantins um corpo, do sexo masculino, já em estado…
Colisão entre duas motos deixa um em estado grave

Colisão entre duas motos deixa um em estado grave

Após atravessar o canteiro central e tentar alcançar a pista, o condutor de uma motocicleta, de prenome Elias, se chocou…