Correio de Carajás

Briga por causa de curió termina em assassinato

Hélio, o “Nego”, cometeu o crime na presença de testemunhas e conseguiu fugir/ Fotos: reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Por volta das 6 horas da manhã de ontem (10), deu entrada no Instituto Médico Legal (IML) de Marabá o corpo de Paulo Sérgio Pereira Sousa, de 27 anos, vítima de ferimento de arma branca. O corpo veio de Bom Jesus do Tocantins e, segundo apurou a reportagem do CORREIO, ele foi assassinado pelo próprio padrasto, Hélio de Souza Barros, conhecido como “Nego”. A desavença envolveu álcool, droga ilícita de uma gaiola de curió.

O crime aconteceu por volta das 19h30 de quinta-feira (9), na Rua Progresso, Loteamento Amazonas. Segundo o que a reportagem do CORREIO apurou, o suspeito Hélio, ou “Nego”, convivia maritalmente com a mãe de Paulo Sérgio, a comerciante Ivone Pereira Sousa, que é dona de um conhecido bar em Bom Jesus. Na quinta-feira, eles estavam bebendo no final da tarde. Houve um desentendimento entre a mãe de Paulo Sérgio, pois o acusado queria dinheiro, uns R$ 20, possivelmente para comprar drogas. Todos já estavam embriagados.

Leia mais:
Paulo Sérgio foi tentar intervir em discussão, levou duas facadas e morreu na hora

Na confusão Hélio derrubou a gaiola de um curió que pertence a outro filho de Ivone, Lucas Pereira de Sousa. A partir daí a discussão já passou a ser entre Lucas e Hélio. Lucas teria dito que pelo curió daria até a vida dele. Diante da ameaça, Hélio se armou de uma faca e ameaçou matar Lucas. Foi aí que Paulo Sérgio entrou em cena apenas para morrer.

Paulo Sergio interveio e disse que Hélio não iria fazer mal ao seu irmão e se pôs no meio dos dois. Nessa hora, Hélio aplicou pelo menos duas facadas no abdômen e tórax que o mataram no local mesmo onde foi esfaqueado.

SAIBA MAIS

No início da noite de ontem o jornal conseguiu contato com o delegado José Lênio Ferreira Duarte, titular da delegacia de Bom Jesus do Tocantins. Mas o policial se limitou a dizer que o acusado está foragido, porém não poderia repassar nenhuma outra informação, por enquanto, devido aos impedimentos previstos na nova Lei de Abuso de Autoridade.

(Chagas Filho)

Mais

Adolescente é encontrada, mas colega segue desaparecida

Adolescente é encontrada, mas colega segue desaparecida

Após boletim de ocorrência ter sido registrado na manhã desta sexta-feira (14), a adolescente de 13 anos Isabela Cruz Costa,…
Envolvido em assalto ao BMG de Marabá é preso

Envolvido em assalto ao BMG de Marabá é preso

José Lúcio Barroso da Silva foi preso nesta sexta-feira (14) em cumprimento de mandado de prisão, pela Superintendência Regional do…
Mulher aplica golpe em farmácia do Cidade Jardim

Mulher aplica golpe em farmácia do Cidade Jardim

A Polícia Civil prendeu Kamila Morais Alves, de 24 anos, por estelionato, nesta quinta-feira (13), em Parauapebas. A mulher emitia…
Adolescentes de 13 anos estão desaparecidas em Parauapebas

Adolescentes de 13 anos estão desaparecidas em Parauapebas

As adolescentes Ana Clara Moraes de Souza e Isabela Cruz Costa estão desaparecidas desde a manhã da quinta-feira (13). As…
Corpo é encontrado degolado na beira do rio, na Folha 8

Corpo é encontrado degolado na beira do rio, na Folha 8

Foi identificado como Wallame Franco de Mesquita, de 30 anos, o corpo localizado na quarta-feira (12). por volta das 19h10,…
Foragido por homicídio no Tocantins é preso em Parauapebas

Foragido por homicídio no Tocantins é preso em Parauapebas

Eliwelton Carneiro da Silva foi preso na noite desta quinta-feira (13), no Bairro Cidade Jardim, em Parauapebas. Consta contra ele…