Correio de Carajás

Brasileira que pinta com lápis de cor expõe no Museu do Louvre

Caroline Guillen de Cianorte, cidade do noroeste do Paraná, é formada em Artes Visuais e professora da educação especial. Mostra é feita com obras de quase 20 artistas brasileiros.

Uma artista visual e professora de Cianorte, no noroeste do Paraná, está com uma obra de arte exposta em uma mostra no Museu do Louvre, em Paris, na França. O quadro foi feito com lápis de cor e compõe uma galeria com 18 artistas brasileiros.

Caroline Guillen desenha desde que era criança. Mesmo fazendo graduação em Artes Visuais, ela acreditava que o trabalho que faz lápis de cor seria apenas um hobby. Durante a pandemia, os desenhos da artista começaram a ajudá-la a controlar a ansiedade.

“Eu encontrei um novo sentido para os desenhos e para a minha própria vida. Comecei a ver que, com o desenho, com a arte, eu poderia me acalmar e também levar esperança”, disse.

Leia mais:

 

A artista resolveu criar um perfil nas redes sociais para mostrar o próprio o trabalho. A partir daí, portas começaram a se abrir e pessoas de várias partes do Brasil enviaram mensagens para ela.

Os desenhos chamaram a atenção de uma curadora de arte. Por meio dessa profissional, a artista paranaense descobriu que a arte dela poderia ir para além do Brasil.

Obra é feita com lápis de cor — Foto: Arquivo pessoal
Obra é feita com lápis de cor — Foto: Arquivo pessoal

A exposição

 

Um dos desenhos, que é um retrato do artista clássico e compositor alemão Sebastian Bach, foi escolhido para fazer parte de uma mostra no Museu do Louvre, na França, considerado um dos mais importantes do mundo.

“Eu fiquei uma semana em êxtase. Nem acreditava. Eu ia dormir pensando naquilo, acordava pensando. É uma ansiedade boa, algo bom que está acontecendo na vida. Até hoje eu não acredito”, contou Caroline.

 

A curadora levou quadros de quase 20 artistas brasileiros para a França. Além da obra que está em Paris, outros dois desenhos de Caroline fazem parte da exposição virtual da mesma mostra.

As obras feitas por Caroline demoram até dois meses para ficarem prontas. Agora, a artista está com lista de espera, com seis quadros encomendados.

Além de trabalhar com as pinturas, Caroline também é professora de educação especial. Ela acredita que os desenhos dela podem ajudar as pessoas, assim como a ajudaram.

“Poder levar a arte para as pessoas é uma maneira de levar beleza. Em um mundo que tem tanta coisa ruim, tanta tragédia, acredito que arte traz consolo. Dá para acreditar que podemos ser melhores.”

Caroline Guillen faz trabalhos com lápis de cor — Foto: Arquivo pessoal
Caroline Guillen faz trabalhos com lápis de cor — Foto: Arquivo pessoal

(Fonte:G1)

Comentários