Correio de Carajás

Atriz de The Mandalorian é demitida após post ofensivo sobre o Holocausto

Foto: Reprodução/ Copyright Disney + Instagram
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Gina Carano, que interpretou a soldada Cara Dune em The Mandalorian, não voltará para mais temporadas da série, nem qualquer outra produção do universo Star Wars. Após uma publicação polêmica em perfil que mantém nas redes sociais, a atriz e ex-lutadora de MMA foi demitida das produções da Disney.

Um porta-voz da Lucasfilm  fez um anúncio dizendo que a atriz não era mais contratada pela produtora e que não havia mais papéis planejados para ela. “Suas postagens nas redes sociais difamando as pessoas com base em suas identidades culturais e religiosas são repugnantes e inaceitáveis”, completou o porta-voz.

O principal motivo da demissão foi o post no stories pessoal da atriz que comparava ser republicana hoje com ser judeu no período do Holocausto. O post foi apagado das redes de Carano, mas prints circulam pelas redes.

Leia mais:

“Judeus foram espancados nas ruas, não por soldados nazistas, mas por seus vizinhos … até por crianças. Como a história é editada, a maioria das pessoas hoje não percebe que, para chegar ao ponto em que os soldados nazistas poderiam facilmente prender milhares de judeus, o governo primeiro fez com que seus próprios vizinhos os odiassem simplesmente por serem judeus. Como isso é diferente de odiar alguém por suas opiniões políticas?”, dizia o texto compartilhado com uma imagem de uma mulher judia sendo agredida na rua.

Carano é declaradamente republicana e uma das famosas apoiadoras do ex-presidente Donald Trump. A publicação comparava o Holocausto, que causou a morte de mais de seis milhões de judeus, com as diferenças entre opiniões políticas hoje em dia.

A atriz também apagou uma outra publicação de seu Instagram em que zombava do uso de máscaras para proteção contra a Covid-19. Em uma imagem de uma pessoa com máscaras cobrindo todo o rosto, a atriz publicou a legenda “Enquanto isso na Califórnia”.

Essa não foi a primeira vez que Carano fez publicações polêmicas. No ano passado a atriz foi criticada por ridicularizar a pandemia do coronavírus e se dizer que se recusa a colocar em suas redes sociais pronomes em apoio a pessoas trans. Na época, ela escreveu “beep, bop, boop”. Mais tarde, ela se desculpou pelo “mal-entendido”.

Ainda não se sabe sobre o futuro da personagem Cara Dune no universo de The Mandalorian. A atriz fazia o papel de coadjuvante nas aventuras do Mandaloriano com Grogu, conhecido como o Baby Yoda.

Também esperava-se que Carano aparecesse em “The Rangers of the New Republic”, anunciada no ano passado. (Fonte:CNN)

Comentários
Festival In-Edit começa amanhã e terá 50 documentários musicais

Festival In-Edit começa amanhã e terá 50 documentários musicais

Memórias, histórias e trajetórias de grandes nomes da música mundial, exploradas pelo cinema documental, estão novamente em foco na 13ª…
Mestres do Universo | Trailer da nova série tem He-Man, nostalgia e ação; veja

Mestres do Universo | Trailer da nova série tem He-Man, nostalgia e ação; veja

Mestres do Universo: Salvando Eternia, a nova série animada dedicada ao bravo guerreiro-príncipe He-Man produzida pela Netflix, ganhou seu primeiro trailer.…
William Bonner diz que fará anúncio no Jornal Nacional e web questiona aposentadoria

William Bonner diz que fará anúncio no Jornal Nacional e web questiona aposentadoria

O apresentador William Bonner contou em publicação nas redes sociais que o Jornal Nacional desta quinta-feira (10) terá um anúncio especial. Com…
Indiana Jones 5: filme pode trazer um jovem Indy

Indiana Jones 5: filme pode trazer um jovem Indy

Esta semana conferimos as primeiras fotos das filmagens de Indiana Jones 5, a produção está a todo vapor no Reino…
'Quero que as pessoas se sintam orgulhosas de serem quem são', diz Iza

'Quero que as pessoas se sintam orgulhosas de serem quem são', diz Iza

“Fecha a rua lá no gueto, vai ter samba lá no gueto, joga bola lá no gueto, ela é cria…
Seu Jorge é condenado a pagar R$ 500 mil à família de Mário Lago

Seu Jorge é condenado a pagar R$ 500 mil à família de Mário Lago

O cantor e compositor Seu Jorge, a Universal Music e a produtora Cafuné Produções foram condenados a pagar R$ 500 mil…