Correio de Carajás

Aliança de ouro é retirada de cadáver em cemitério

O caixão da vítima de covid foi violado em Novo Repartimento/ Foto: Divulgação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um caso inusitado se registrou no cemitério municipal de Novo Repartimento, onde um artefato de ouro acabou retirado de um cadáver sepultado recentemente. A família do servidor público federal aposentado José Sabino, vítima do novo coronavírus, descobriu o sinistro no dia 9 deste mês. Agora os familiares do morto tentam encontrar o autor do crime de violação de sepultura. A Polícia Civil divulgou o número de celular (91) 98190- 0367 para receber informações.

Os familiares da vítima acreditam que o crime tenha ocorrido no dia 8 deste mês. Ao chegar ao cemitério municipal Parque das Palmeiras, localizado próximo ao Bairro Parque Morumbi, descobriu-se que o túmulo onde está sepultado José Sabina sofreu violação. O jazido estava danificado, a urna fúnebre violada e o cadáver sem a aliança de ouro. A família ficou de registrar o caso na Delegacia de Polícia Civil para ser investigado.

O objeto de metal bastante cobiçado não por ser retirado do dedo da vítima porque a morte foi ocasionada pela covid-19. Em relação ao crime praticado, não é considerado furto. “Assim, aquele que subtrai as coisas mencionadas deve responder apenas pelo delito de violação de sepultura, previsto no artigo 210 da Lei Substantiva Penal que aponta pena de reclusão, de um a três anos, e multa”, diz nota da Polícia Civil sobre o caso.

Leia mais:

A mesma nota explica ainda que: “Consuma-se esse crime com qualquer ato de vandalismo sobre a sepultura. Violar significa abrir e devassar ilegitimamente. Em relação a aliança, é considerado “coisa abandonado pela família, que pode ser objeto material de crime patrimonial”. (A. B. – Freelancer)

Comentários

Mais

Foragido há 10 anos é capturado em Parauapebas

Foragido há 10 anos é capturado em Parauapebas

Na noite desta quarta-feira (4), a Polícia Militar de Parauapebas fazia rondas pelo Bairro Vale do Sol ao avistar Bráulio…
Mulher é estuprada em via pública em Marabá

Mulher é estuprada em via pública em Marabá

Uma mulher foi estuprada na madrugada desta quinta-feira (5) no Bairro Jardim Vitória, Núcleo Cidade Nova, em Marabá. A Polícia…
Dupla é presa em Parauapebas por desmanche de motos roubadas

Dupla é presa em Parauapebas por desmanche de motos roubadas

Por volta das 14 horas desta última quarta-feira, dia 4, a Policia Militar de Parauapebas, por meio de uma denúncia…
Traficante da Vila do Rato diz ser só usuário após ser preso por polícias

Traficante da Vila do Rato diz ser só usuário após ser preso por polícias

Na madrugada desta quinta-feira, dia 5, por volta de 2 horas, uma viatura da Polícia Militar, que fazia ronda às…
Drogômetros começam a ser testados em rodovias

Drogômetros começam a ser testados em rodovias

Os testes iniciais para a pesquisa que vai definir os requisitos técnico-científicos para homologação dos “drogômetros” no Brasil começaram esta…
Sem-terra denunciam ameaças de madeireiros

Sem-terra denunciam ameaças de madeireiros

Uma área na zona rural do município de Moju, próximo das margens da PA-150, pertencente à Embrapa, mas que não…