Correio de Carajás

Acadêmicos de Biologia constroem lago para pesquisas na Uepa de Marabá

Lago do projeto EcoBosque servirá para futuras pesquisas / Fotos: Zeus Bandeira
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Pensando em oferecer uma Área de Preservação Permanente (APP) ao Campus VIII da Uepa (Universidade Estadual do Pará), os acadêmicos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas (2019) iniciaram, desde segunda-feira (15), a construção de um lago, que faz parte da execução do projeto EcoBosque.

A proposta surgiu em 2020, durante uma disciplina do curso, ministrada pela professora e coordenadora administrativa Mirian Rosa Pereira. Os alunos se animaram com a ideia e decidiram colocar a mão na massa para tornar o projeto uma realidade.

De forma independente e sem recursos da instituição, o primeiro passo foi elaborar um projeto para a construção do lago. Para isso, contaram com a ajuda do Viveiro e Floricultura Himawari, que pensou, desenhou e entregou a planta.

Leia mais:

A acadêmica de Ciências Biológicas, Wesllany Goes, explica que é um desafio, já que os estudantes não estão acostumados com execução de obras. O lago contará com um viveiro de peixes e uma área com plantas nativas da região amazônica. “Tivemos de procurar ajuda de quem entende”, valoriza.

Espaço com árvores preservadas será revitalizado como parte do projeto

Com o projeto arquitetônico em mãos, os 25 alunos da turma se dividiram em cinco grupos, para atuarem na construção do lago, na compra dos materiais de construção, na aquisição dos peixes, na divulgação e na busca por patrocínio, uma vez que o projeto é independente.

Wesllany conta que eles esperam criar um espaço de convivência com a construção do lago, onde estudantes de outros cursos poderão utilizá-lo para pesquisas, como Engenharia Ambiental, Florestal e as demais turmas de Biologia. “Será o legado que deixaremos na Uepa, depois que nos formarmos em 2022”, completa.

Devido à pandemia do novo coronavírus, as aulas estão sendo ministradas on-line. Com isso, os grupos formados se organizaram para irem frequentemente ao Campus inspecionar a obra, que já está em andamento.

Ainda segundo Wesllany, após a finalização do lago, os estudantes pretendem revitalizar outra área de convivência do Campus, que fica próximo ao lago. No local, serão montados bancos e mesas para que os alunos socializem, estudem e pesquisem. Há também muitas árvores no espaço, que são preservadas e não podem ser derrubadas.

O EcoBosque necessita de verbas para continuar sendo executado. Aqueles que se interessarem em fazer uma doação para contribuir com o projeto e ajudá-lo a ser concluído, podem entrar em contato com os estudantes pelo Instagram: @ecobosqueuepa. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Marabá: Salário mínimo começa a ser pago a famílias atingidas pela enchente

Marabá: Salário mínimo começa a ser pago a famílias atingidas pela enchente

Entre as várias iniciativas do governo do Estado para apoiar as famílias atingidas pelas cheias dos rios Tocantins e Itacaiúnas,…
Saúde antecipa entrega de terceiro lote de vacinas pediátricas

Saúde antecipa entrega de terceiro lote de vacinas pediátricas

O Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (17) que antecipou a data da chegada do terceiro lote das vacinas pediátricas.…
Pará registra 17.249 mortes por Covid-19 e 634.200 casos

Pará registra 17.249 mortes por Covid-19 e 634.200 casos

O Pará contabiliza 17.249 mortes e 634.200 casos de Covid-19 desde o início da pandemia, segundo os dados divulgados no…
Multidão na orla para curtir enchente preocupa autoridades

Multidão na orla para curtir enchente preocupa autoridades

A via do bambuzal engarrafada, a Avenida Antônio Maia lotada de veículos de um lado e do outro. As transversais,…
Covid: Saúde começa a distribuir 2ª remessa de vacinas para crianças

Covid: Saúde começa a distribuir 2ª remessa de vacinas para crianças

O Ministério da Saúde começou a distribuir a segunda remessa de vacinas contra a covid-19 voltadas para crianças. O lote…
Projeto cicloviário para Marabá nasce na Unifesspa

Projeto cicloviário para Marabá nasce na Unifesspa

A turma de engenharia civil da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) desenvolveu projetos cicloviários para a…