Correio de Carajás

Polícia Civil de Anapu investiga triplo homicídio

As três vítimas da chacina ocorrida em Anapu nesta terça-feira. Polícia faz mistério sobre motivações e suspeitos/ Foto: Rede Social
As três vítimas da chacina ocorrida em Anapu nesta terça-feira. Polícia faz mistério sobre motivações e suspeitos/ Foto: Rede Social

ESTAVAM DORMINDO

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Uma chacina é investigada pela Delegacia de Polícia Civil de Anapu, município no sudoeste paraense. As vítimas foram identificadas até o momento como Ronaldo Barros dos Reis e as mulheres Kailane e Mariane, executadas a princípio com disparos de arma de fogo.

Moradores vizinhos à residência onde aconteceram os assassinatos acionaram a Polícia Militar da cidade por volta de 6h de terça-feira (31). Uma equipe de investigadores também compareceu ao local para iniciar a coleta de informações.

Os policiais encontraram os três corpos na residência de madeira de dois andares, que fica no Bairro Novo Progresso, às margens do Rio Anapu. O casal Ronaldo e Kailane estava dentro de uma rede, no pavimento superior, quando foram executados com tiros de arma de fogo, com demonstram ferimentos encontrados na região da cabeça das vítimas. Acredita-se que o casal tenha sido morto enquanto dormia. E do lado de fora da casa a terceira vítima Mariane, que também foi morta, após ouvir os tiros e tentar fugir do local.

Leia mais:

Diante da complexidade investigativa do triplo homicídio, a autoridade policial responsável pela investigação acionou a equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves de Altamira para realizar perícia na residência. E o IML removeu os corpos à unidade de Altamira, onde passaram por exames de necropsia.

Uma fonte ouvida pela Reportagem ligada à investigação revelou que o maior desafio é chegar aos autores dos crimes, porém, a motivação pode estar relacionada ao tráfico de drogas ou acerto de contas. A autoridade policial não divulgou mais informações sobre o triplo homicídio que chocou os moradores do município. (Antonio Barroso)

Comentários

Mais

Mulher de 27 anos morre na BR-230

Mulher de 27 anos morre na BR-230

Entre os corpos que passaram pelo Instituto Médico Legal (IML) no final de semana está Jessica Moreira Padilha, de 27…
Assaltante é preso com arma e tornozeleira eletrônica

Assaltante é preso com arma e tornozeleira eletrônica

O homem que foi preso no final de semana em Marabá, portando uma pistola .380 Taurus, com 15 munições intactas,…
Quase 260 toneladas de manganês são apreendidas em Marabá

Quase 260 toneladas de manganês são apreendidas em Marabá

Ao menos 259 toneladas de minério do tipo manganês transportadas de forma ilegal foram apreendidos em Marabá, no sudeste do Pará.…
Caseiro é preso por porte ilegal de arma

Caseiro é preso por porte ilegal de arma

Francisco Borges Pereira, que trabalhava como caseiro de um sítio na Vila Lajeado 1, zona rural de Marabá, foi preso…
Mulher é autuada com mais de 50 gramas de maconha no Alto Bonito

Mulher é autuada com mais de 50 gramas de maconha no Alto Bonito

Carregando mais de 50 gramas de maconha na bolsa, Rayris Souza Ramos saiu correndo ao avistar a guarnição da Guarda…
Comeu manga, invadiu empresa para usar o banheiro e acabou na delegacia

Comeu manga, invadiu empresa para usar o banheiro e acabou na delegacia

Paulo Sérgio Silva, de 20 anos, foi levado para a 20ª Delegacia de Polícia Civil de Parauapebas após ser flagrado…